A varíola dos macacos foi declarada como emergência de saúde global pela Organização Mundial de Saúde (OMS), neste sábado (23).

O anúncio foi feito pelo diretor do órgão, Tedros Adhanom, após semanas de discussão do Comitê de Emergência da OMS.

 

 

Apesar de intensos debates, os especialistas não chegaram a uma conclusão, mas a organização optou pela declaração de emergência.

Nove cientistas foram contrários à decisão e seis favoráveis.

Mais de 16 mil casos de varíola dos macacos já foram confirmados em 75 países. Ao todo, ocorreram cinco mortes.

Conforme o Ministério da Saúde, no Brasil foram 607 casos da doença, mas nenhum deles resultou em morte.