Em torno de 3.180 crianças foram imunizadas contra Covid-19 em Jaraguá do Sul e região. Iniciada há cerca de três semanas, a imunização da faixa etária entre 5 e 11 anos atingiu até a última semana apenas em torno de 11% do público alvo, estimado em 25.975 crianças.

Entre os que já estão protegidos contra a Covid-19 está Kalynton Batistella, de 7 anos. A mãe Sandra foi prontamente procurar pela vacina, tanto como uma forma de proteger o filho, que tem asma, quanto por consciência social.

“A Covid-19 não é uma doença individual, afeta a sociedade como um todo. A vacinação também. É a única forma de sairmos juntos disso”, reflete. “Vacinas sempre salvaram vidas ao longo da história da humanidade e vão continuar salvando. A ciência evolui constantemente e isso é ótimo. A vacina não é um experimento. É eficaz, os números de óbitos e internações por Covid mostram isso”, destaca Sandra.

Sandra e o filho Kalynton recebendo a dose contra a Covid-19. Foto Arquivo Pessoal

Tendo perdido pessoas do convívio familiar para a doença, Emerson Gonçalves de Almeida compartilha dessa preocupação com a filha Ana Carolina, de 9 anos, que também tem asma e bronquite, além de ressaltar a importância dessa consciência coletiva.

“Infelizmente, em nosso país a polarização política acabou afetando no bom senso de muitos pais que são influenciados não pela ciência, mas por informações infundadas e mentirosas sobre as vacinas. Minha família e parentes são adeptos da imunização”, reforça Emerson.

Na opinião de Denise Scheidt, que já levou o filho Joaquim Cavalleri, de 6 anos, para receber a vacina, é importante imunizar as crianças para garantir a proteção delas, especialmente por estarem sempre em ambientes coletivos na escola, praticando esportes e brincando.

Também acredita na possibilidade de ajudar a reduzir a transmissão, protegendo outras crianças e o filho mais novo que ainda não atingiu a idade de vacinação.

Joaquim recebendo a vacina. Foto Arquivo Pessoal

“Infelizmente conheço algumas pessoas que são contra vacinar seus filhos, acredito que o principal fator são as Fake News e a falta de informação correta sobre o assunto”, comenta. “Penso que devemos duvidar dessas informações que não são coerentes, pesquisar em fontes seguras e realizar uma leitura completa, isso irá ajudar a esclarecer todas as dúvidas.”

Ritmo da vacinação

Em Jaraguá do Sul, 2.126 vacinas foram aplicadas no público alvo até a última quinta-feira, representando 13,5% das 16 mil crianças estimadas pela Secretaria Municipal de Saúde.

O ritmo é considerado mais lento em relação aos adultos, mas a Secretaria considera que o movimento em busca das doses tem sido constante.

Foto Divulgação/PMJS

Já os demais municípios da microrregião consideram a procura baixa, tendo preparado estruturas para receber mais pessoas.

“Apesar de Guaramirim estar disponibilizando local adequado, com agendamento para as crianças, a procura pelo imunizante ainda está muito abaixo do esperado. O município está se programando para fazer uma campanha de conscientização, e além disso a importância da vacinação já está sendo reforçada em todos os canais de comunicação da Prefeitura e também junto aos profissionais de saúde”, comenta a gerente de Vigilância em Saúde de Guaramirim, Ana Maria Rodrigues.

Foto Divulgação/PMJS

Além disso, a profissional reforça que desde o início da imunização não foi relatado nenhum efeito adverso após a vacina. “Os pais podem ficar tranquilos com a vacinação”, diz Ana.

Os municípios estudam estratégias, como abertura de salas de vacina no fim de semana, e o reforço de campanhas de conscientização para aumentar a adesão à vacina.

Confira os números da vacinação contra a Covid-19 entre as crianças de 5 a 11 anos na região:

Jaraguá do Sul

2.126 crianças vacinadas de cerca de 16.000

Guaramirim

483 crianças vacinadas de 4.759

Schroeder

216 crianças vacinadas de 2.338 crianças

Massaranduba

252 crianças vacinadas de 1.485

Corupá

106 crianças vacinadas de 1.393

*Os dados foram coletados com as Secretarias de Saúde ao longo desta semana. Jaraguá do Sul até 10/2. Massaranduba 09/2. Guaramirim, Schroeder e Corupá até 08/2.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp