A Defesa Civil de Jaraguá do Sul retornou ao Condomínio Residencial Ester Menel nesta terça-feira (12). Técnicos do órgão e da Concreto Construtora de Obras, empresa responsável pela construção do empreendimento, estão avaliando as condições do bloco 8 do condomínio. O prédio foi interditado por causa de estouros e rachaduras no piso dos apartamentos.

“Um dos nossos técnicos e um técnico da empresa estão visitando cada um dos apartamentos. Nós conversamos com os moradores e esse problema com o piso não vem de agora. Tem um morador que trocou o piso há um mês e estourou tudo de novo”, informa o diretor da Defesa Civil, Hideraldo Colle, ao ressaltar que a causa do incidente ainda está sendo avaliada.

O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil foram chamados para ir até o condomínio por volta das 23h desta segunda-feira (11). Além das rachaduras no piso, os moradores reclamavam de um forte cheiro de gás. Eles foram retirados do local e o bloco 8 foi interditado por medida de segurança. A luz elétrica do prédio foi desligada.

Construído por meio de parceria entre a Prefeitura e o governo federal pelo Programa Minha Casa Minha Vida, o condomínio teve investimento de R$ 10,08 milhões. São 14 edifícios de quatro pavimentos com 16 apartamentos cada. Os apartamentos têm área de 44,15 metros quadrados, adquiridos por pessoas com renda mensal de até três salários mínimos. O condomínio foi construído há cerca de seis anos, ou seja, já passou da garantia de cinco anos dada pela construtora.

Quer receber as notícias no WhatsApp?

Região de Jaraguá do Sul - Clique aqui

Região de Joinville - Clique aqui

Região de Florianópolis - Clique aqui