Nesta quinta-feira (15), tem início a 5ª edição da Semana Down Um Abraço, promovida pela Apae de Jaraguá do Sul. O tema deste ano é "Família e o Cromossomo Chamado Amor" e destaca a importância deste núcleo na inclusão da pessoa com Síndrome de Down.
Para debater o assunto, a programação conta com a palestra da psicóloga especializada em Neuropsicologia, Vivianne Samara Conzatt. Sua explanação vai tratar dos desafios e possibilidades da pessoa com SD em casa, na escola e na sociedade.
Conforme o coordenador de Comunicação e Marketing da Apae, David Crispim, a Semana Down Um Abraço surgiu através de um grupo de pais de pessoas com Síndrome de Down que atua desde o ano 2000 na instituição. Ele explica que o tema "inclusão" é um dos objetivos da Semana, cuja edição está focada na família.
"Ainda sentimos muito o anseio das famílias ao receberem a notícia de que têm uma criança com Síndrome de Down e também em relação a como dar continuidade a esses cuidados. A gente sabe que são pessoas que vão depender de suas famílias por um grande período da vida. O objetivo da Apae é que elas não tenham a dependência, tanto que a gente trabalha a autonomia aqui na entidade", ressalta.
Portanto, enfatiza o coordenador, quanto mais a família estiver informada, mais a criança com SD poderá desenvolver suas potencialidades ao longo da vida. E a preparação do núcleo familiar começa logo na forma de transmissão do diagnóstico pelos profissionais de saúde.
"Ao receber o diagnóstico de forma incorreta, a família passará por uma tempestade que poderá alterar profundamente seu futuro, podendo influenciar na aceitação ou rejeição da criança. Muitas vezes, obstetras, pediatras e enfermeiros que acompanham mãe e filho não percebem o trauma que podem causar", aponta Crispim.
Outra questão que entrará na pauta refere-se aos limites que os responsáveis devem impor. Especialistas ressaltam que a pessoa com Síndrome de Down deve ser educada e disciplinada como qualquer outra.
De acordo com o coordenador, por atribuírem ao filho, antes mesmo de seu nascimento, uma série de expectativas que quando rompidas ocasionam um grande sofrimento, e por não saber como lidar com a nova situação, muitos pais acabam criando barreiras no desenvolvimento dessas crianças.
Durante as ações da semana, famílias darão depoimento a respeito das experiências com os portadores da síndrome. "No primeiro dia, por exemplo, a mãe de um filho com SD, que também tem uma neta com a síndrome, vai falar da sua vivência. A voz é deles, esse evento é voltados para eles (familiares)", conclui.

Produtos personalizados

Os produtos alusivos à quinta edição do evento já estão à venda na Apae e também serão comercializados durantes a as ações promovidas na Semana Down Um Abraço. A camiseta rosa (2018) custa R$ 30,00; a branca e a azul, R$ 25,00; guarda-chuva, R$ 35,00; agenda, R$ 35,00; caneca, R$ 10,00; e adesivos, R$ 2,50.

Programação da semana

  • Quinta-feira (15) - Abertura com Escolha do Garoto e Garota Down 2018 (Juvenil e Kids), na sede da Apae, às 19h30. O desfile, que já é tradição, é aberto ao público e possibilita a participação de alunos de outras Apaes e também dos que não frequentam a instituição;
  • Sexta-feira (16) - Palestra "A pessoa com Síndrome de Down: em casa, na escola e na sociedade. Desafios X Possibilidades!", com a psicóloga Vivianne Samara Conzatti, na Acijs, às 19h30, aberta ao público;
  • Sábado (17) - 4ª Caminhada Down, com concentração na Praça Ângelo Piazera, às 8h30, aberta ao público. Roteiro: saída da praça, seguindo pela Av. Marechal Deodoro, Rua Guilherme Weege, Rua Reinoldo Rau e retorno à praça;
  • Terça-feira (20) - Premiação do Concurso de Desenhos a estudantes do 5º ano do ensino fundamental, na Apae. O tema desse ano "Família e o Cromossomo Chamado Amor" foi trabalhado nas escolas Francisco Solamon, Erich Gruetzmacher, Cristina Marcatto, Albano Kanzler, de Jaraguá do Sul, e Prof. Emilio da Silva, de Schroeder. O primeiro lugar ganhará um tablet;
  • Quarta-feira (21) - Dia Internacional da Síndrome de Down - Haverá Encontro de Pais, às 14h, na Apae.