A Secretaria de Indústria, Comércio, Turismo, Esporte e Lazer de Corupá espera receber até o início de setembro o projeto arquitetônico para a construção de um portal turístico no município. O projeto está sendo elaborado pela empresa Lima & Lima Arquitetos Associados, de Jaraguá do Sul, para o qual a Prefeitura está investindo R$ 7,8 mil. Além de conter espaço para receber turistas e prestar informações e orientações, o próprio portal deverá se tornar uma atração turística. O secretário da pasta, Juliano Millnitz, explica que a estrutura será construída mais próximo ao centro da cidade e perto do rio, para que a ideia de torná-lo uma atração turística possa ser executada, que prefere manter a surpresa e divulgar a proposta do portal quando o projeto estiver pronto. A expectativa é que a empresa entregue o rascunho entre o fim de agosto e o início do próximo mês. “Não vai ser nada absurdo, nada complexo, mas vai suprir as necessidades de Corupá. Mas também não vai ser simples, vai ser bastante significativo”, afirma Millnitz, destacando a intenção de fazer um projeto alinhado com as condições econômicas do município, para que a obra possa sair do papel. “Já se falou em se construir um portal da cidade, mas nunca foi feito”, acrescenta o secretário. Após a conclusão do projeto, o setor de engenharia deve levantar o orçamento da obra e, na sequência, a Secretaria irá em busca dos recursos. Millnitz explica que não há expectativa de iniciar a obra ainda neste ano, já que não há previsão de verba no orçamento vigente da Prefeitura. “Vamos atrás dos recursos, buscar emendas parlamentares”, comenta. O portal deverá funcionar como um espaço para apresentar tudo o que o turista encontra na cidade, diz o secretário, desde os seus atrativos naturais, como as famosas cachoeiras, até mesmo os produtos e alimentos artesanais. O local contará com o centro de informações turísticas, banheiro com acessibilidade e será um espaço de parada para receber os visitantes. PLANO MUNICIPAL  O secretário destaca que o portal é uma das ações do governo para o desenvolvimento do turismo. Em parceria com o Sebrae, a Prefeitura vem trabalhando na elaboração do Plano Municipal de Turismo, que é o foco da atual gestão. No próximo dia 29, conta Millnitz, será realizado o primeiro seminário, onde será apresentado o diagnóstico do turismo da cidade. “Estão sendo levantados números, vai ter uma lista com todos os atrativos da cidade, vai ser um diagnóstico que vai dizer: ‘a situação hoje está assim’”, explica o secretário. O evento é aberto a todos que queiram debater sobre o futuro do turismo da cidade, sobretudo aos proprietários de atrativos turísticos. “No seminário é que a gente vai dizer para onde queremos ir”, comenta.