Foto: Eduardo Montecino
Foto: Eduardo Montecino
Amanhã, a partir das 9h30, ocorre a inauguração oficial do Centro de Educação Infantil Apolonia Stählin Junks, na Rua Alberto Maiochi, 264, no bairro Chico de Paulo. O novo equipamento, que passou a operar no fim de 2015, custou investimento de R$ 1,8 milhão aos cofres municipais.
O ato inaugural terá distribuição de algodão doce, pipoca, piscina de bolinhas e tobogã para as crianças. Outro CEI previsto para ser entregue ainda no primeiro semestre é o do bairro Ribeirão Cavalo, com investimento de R$ 1,5 milhão pela administração municipal.
De acordo com informações da diretora do Centro de Educação Infantil Apolonia Stählin Junks, a unidade tem capacidade para 200 alunos, de zero a cinco anos. O presidente da Associação de Moradores do Bairro Chico de Paulo, resume o sentimento da comunidade em contar com uma creche no Loteamento Firenze: “É muito importante para aquela área.”
A diretora de Educação Infantil da Secretaria Municipal de Educação, Graciosa Fock, atesta que até ontem a unidade Apolonia Junks apresentava de 75 a 80 crianças na lista de espera. Segundo Graciosa, os 29 centros infantis municipais atendem em torno de cinco mil crianças de zero a cinco anos, mais 2,5 mil crianças de quatro e cinco anos matriculadas nas escolas de ensino infantil, totalizando um universo de 7,5 mil alunos.
“Temos em torno de 800 alunos na lista de espera. Estamos em época de chamadas, adequações e adaptações. Cada família pode cadastrar a mesma criança em até cinco CEIs, então, só saberemos o número exato no final de março”, esclarece.