Em tempos de adversidades e incertezas por conta da pandemia de Covid-19, o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do bairro Jaraguá 84 tem usado da criatividade para manter o atendimento prestado às famílias assistidas pela unidade nesta fase de isolamento social.

As rotinas e estratégias de atuação da equipe do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) foram adaptados, entre ações remotas no próprio Cras e visitas domiciliares pontuais para distribuição das atividades de sensibilização, interação familiar, movimento e lazer.

Uma das iniciativas realizadas em parceria com outras instâncias do poder publico, é a realização de atividades de conscientização sobre a importância da alimentação saudável e a sensibilização para o desenvolvimento de hortas domiciliares ou comunitárias.

De acordo com a educadora social em educação física, Giovana Atanásio Stein, e a pedagoga Lígia Reif Franzner, as atividades têm como objetivo proporcionar a sensibilização e a reflexão das famílias sobre seus hábitos e rotinas, especialmente nesse momento delicado que todos estamos passando, de modo que eles possam se sentir cada vez mais acolhidos.

“A ação também enaltece e valoriza as potencialidades das famílias, proporcionando aprendizados e conscientização de uma maneira geral”, destacou Giovana.

“A equipe também está elaborando conjuntamente com a Secretaria de Desenvolvimento Rural e Abastecimento. um mapeamento de informações referentes as hortas comunitárias existentes no território do Cras e seu funcionamento, o resultado será entregue as famílias nos meses subsequentes”, completou Ligia.

Cada família assistida recebe um kit com duas mudas de hortaliças e chás, tutorial sobre hortas domiciliares, calendário de rotinas para organização familiar e um estojo de tecido confeccionado no próprio Cras.

“O objetivo da iniciativa é fomentar a aquisição de hábitos de vida mais saudáveis, o autocuidado, visando estimular a autonomia e organização dos usuários no manejo e consecução de suas próprias hortas", explicou a pedagoga.

As hortas também fortalecem os vínculos familiares, e a participação dos usuários nos cuidados e manutenção de hortas comunitárias existentes na área atendida pelo Cras Jaraguá 84”, completou a pedagoga.

Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

O SCFV é uma forma de intervenção social planejada e continuada que propicia situações desafiadoras, estimula e orienta os usuários na construção e reconstrução de suas histórias e vivências individuais, coletivas e familiares.

O serviço possui um caráter preventivo e proativo, pautado na defesa e afirmação de direitos e no desenvolvimento de capacidades e potencialidades dos usuários, com vistas ao alcance de alternativas emancipatórias para o enfrentamento das vulnerabilidades sociais.

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos é ofertado, no próprio Cras, localizado na Rua Alvino Flor da Silva, 678 – bairro Jaraguá 84.

Telefones 3371-0367 e 3273-8195.

*Com informações de assessorias de imprensa.