O mês de novembro celebra a força, a superação de desafios, o amor e a batalha pela vida. Isso porque, nessas cinco semanas, a população é, anualmente, convidada a conhecer a história de bebês que, ao nascer, precisam de tudo isso, além de muitos cuidados específicos, para enfrentar a prematuridade. Com o objetivo de humanizar ainda mais o tratamento a esses pacientes tão especiais, o Hospital e Maternidade Jaraguá realizou, ao longo dos últimos dias, diversas atividades. Entre palestras e capacitações, uma das iniciativas da equipe emocionou colaboradores, médicos e familiares. Para homenagear os prematuros, a unidade preparou um desfile na UCI (Unidade de Cuidados Intermediários). Vestidos de super-heróis, os bebês mostraram, mais uma vez, a importância de celebrar a vida. “O hospital precisa de humanização. Nós queríamos algo que oferecesse motivação e sentimos muita segurança e receptividade por parte das mães. O evento uniu a equipe e estreitou os laços com os pais”, explicou a coordenadora Elisiane dos Santos de Farias. Bebê prematuro - desfile super-heróis Mãe da pequena Maria Antonia Dallmann Arnaud, de apenas 15 dias, Flavia Elisa Dallmann, 35, concorda. “Quando temos uma gestação, nunca imaginamos que vamos parar em uma UTI. É um susto. Eu só fui pegar minha filha no colo pela primeira vez quando ela tinha 11 dias”, recorda. Acolhida pela equipe do HMJ, ela enfatiza que o carinho dos profissionais com os bebês é surpreendente e emocionante. “Esse evento trouxe conscientização sobre os prematuros, pois ninguém está preparado para isso.  O desfile fez os pais esquecerem um pouco da rotina. Trouxe alegria”, enfatiza. Atualmente, o hospital conta com 19 pacientes prematuros. Credenciada para gestantes de alto risco, a maternidade oferece estrutura para consultas obstétricas de urgência e emergência, partos e assistência neonatal. Mesmo internados na UCI, os bebês não perdem os vínculos maternos, já que é permitida a livre entrada das mães no setor. Além disso, a UTI Neonatal e Pediátrica é referência para todo o Estado de Santa Catarina, com uma equipe multiprofissional especializada e modernos equipamentos. Fonte: Entrelinhas