Sempre investindo para entregar o melhor conteúdo com a melhor qualidade para o público, a Rede OCP de Comunicação vem alcançando, cada vez mais, números que comprovam a caminhada no rumo certo.

De maio para junho deste ano, o OCP TV deu um salto de audiência. Passou de 585 mil visualizações mensais para chegar à marca de 700 mil views em junho.

Os números demonstram não apenas que uma TV em Jaraguá do Sul já é realidade, mas principalmente que a população, carente de um produto como esse, abraçou a atração.

Para o diretor superintendente da Rede OCP, Marcelo Janssen, esse crescimento se dá devido às mudanças nos hábitos de consumo de notícias.

"As pessoas estão buscando muito mais conteúdo em vídeo na internet do que nos canais de TV, por exemplo. Essa mudança de comportamento mostra que os usuários estão ávidos por assistir somente aquilo que interessa e não milhares de programas aleatórios que passam todos os dias", aponta.

"Já não faz mais tanto sentido pagar centenas de reais por pacotes com canais indesejados e programação repetida. Queremos oferecer conteúdo da nossa região, em áudio e vídeo, na palma da mão, a qualquer hora do dia", destaca o diretor.

E o crescimento não para: em breve, o OCP inaugura estúdio próprio de gravação e muitas surpresas estão por vir ainda neste ano.

Comunicação direta com o público

O jornalista, apresentador e produtor do OCP TV, Juliano Couto, conta que o salto na audiência veio depois de a equipe decidir publicar as reportagens de maior destaque e as mais comentadas do programa OCP 6 e Meia, transmitido ao vivo nas redes sociais.

Os vídeos são publicados nas páginas do OCP e Aconteceu em Jaraguá do Sul, no Facebook, e também em canal no YouTube.

"Isso também possibilita darmos a notícia a qualquer hora, e não apenas dentro do programa principal da casa", comenta o jornalista.

Agora, o próximo passo é massificar a participação do público durante as lives, com enquetes, sorteios e, claro, com as notícias da região que mais impactam no dia a dia do público.

Repórter cinematográfico e câmeras Adilson Amorim e Matheus Wittkowski | Foto Matheus Wittkowski/OCP News

Por causa da pandemia, a equipe também fez adaptações para que nenhuma notícia deixasse de ser veiculada.

"Tomamos algumas medidas de precaução, como fazer matérias com menos entrevistas, a gente ia muito para a rua, fazia muitas entrevistas. Então quando tem necessidade de gravar, temos o cuidado de manter distância, não compartilhar o microfone, limpar todos os equipamentos quando retorna", conta o jornalista.

No estúdio, só ficam por ali quem está trabalhando no momento e mantendo distância segura entre todos. "A gente não deixou, na pandemia, de noticiar nenhum assunto importante na cidade", garante Couto.

Reportagens mais assistidas em junho

1. Café produzido em Corupá é um dos melhores do país – 66 mil visualizações

2. Empresário Roberto Angeloni morre após carro partir ao meio em acidente – 46,3 mil visualizações

 

3. Governador Moisés visita a WEG e conheçe produção de respiradores – 39,1 mil visualizações

4. Ciclone-bomba causa estragos em municípios de Santa Catarina – 15,6 mil visualizações

5. Jaraguaense de 7 anos é promessa no Bicicross – 11 mil visualizações

 

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul