A situação dos imigrantes que buscam Criciúma como um lar nem sempre é das melhores. A falta de familiaridade com a língua local e falta de moradia e comida são alguns dos problemas que essas pessoas enfrentam ao chegar no município. Por isso, a vereadora de Criciúma, Giovana Mondardo, junto com a Associação dos Haitianos, está se mobilizando para arrecadar alimentos para serem distribuídos para as famílias que necessitem.

De acordo com Giovana, a ideia surgiu durante uma visita à associação.

"Os haitianos, ganeses e povos de outras nacionalidades que chegam ao nosso município precisam de todo o nosso apoio. Muitos não conseguem encontrar emprego em um primeiro momento, por isso pensamos nesta campanha para colaborar com todos", explicou.

A Associação dos Haitianos está localizada no bairro Santo Antônio e foi formada há cinco anos. Hoje realizam aproximadamente 300 doações de alimentos por mês. De acordo com um dos membros da associação, Pierre Paul Deshomme, não há verba financeira e todos os que fazem parte são voluntários.

"Viemos ao Brasil querendo trabalhar, melhorar de vida, mas há poucas oportunidades. Alguns precisam mais do nosso apoio e aqui é uma terra muito boa, em que as pessoas são solidárias, então o que arrecadamos, conseguimos distribuir", destacou.

Como doar

A campanha de arrecadação de alimentos começou nesta semana. Para doar, o interessado deverá procurar a Câmara de Vereadores de Criciúma, no gabinete da vereadora Giovana Mondardo, localizado no Centro Profissional, quinto andar, sala 511 e deixar sua doação, que posteriormente chegará à associação.

"Queremos ampliar não só para alimentação, mas caso tenham pessoas com vagas abertas em suas empresas e que tiverem disposição de ofertá-las, serão bem-vindas também", reforçou a vereadora.

Informações e outras dúvidas podem ser questionadas via WhatsApp pelo telefone (48) 99179-6218.