Em termos de idade, a recordista é a malharia Malwee, fundada pelos irmãos Wilhelm e Bertha Karsten Weege, aos 112 anos. Hoje uma das maiores empresas de moda do país, a empresa não começou suas operações no ramo atual: era açougue e loja de laticínios, sob o comando de Wilhelm Weege. A empresa se expandiu para um frigorífico pelas mãos do filho, Wolfgang, em 1948. Na sequência, abriram um posto de gasolina com loja de conveniência - um dos primeiros da região. Dois anos depois, o velho comércio da empresa se expandia para uma loja de departamentos de grande porte. Ao longo das duas décadas seguintes, a empresa fechou o frigorífico e estudou a implantação de uma nova indústria no local antes de optar pelo ramo atual, na indústria têxtil. Dos princípios humildes, a rede cresceu . Em 1975, abria sua segunda unidade, em Pomerode. Em 1982, seguia para Blumenau. Do ramo fabril, a empresa voltaria ao comércio em 2011, com a abertura de sua primeira loja monomarca. Hoje, sob a direção de Guilherme Weege,  são 5,5 mil funcionários em quatro parques fabris e 82 lojas. *a redação original da matéria dava a entender que a empresa ainda estava sob comando de Wolfgang Weege, avô do atual presidente. Wolfgang faleceu em 1987 e foi presidente da Associação Empresarial de Jaraguá do Sul (Acijs) entre 1944 e 1962. VEJA TAMBÉM: –  Dez empresas de Jaraguá do Sul possuem mais de 75 anos – Segredo da Breithaupt foi a inovação constante, afirma diretor geral da empresa – Duas Rodas atribui seu sucesso a uma cultura de empreendedorismo – Diretor atribui sucesso do Colégio Evangélico à fidelidade aos valores e princípios históricos - Ultrapassar 75 anos não foi garantia de saúde financeira para a Menegotti Quer receber as reportagens do OCP Online no WhatsApp? Basta clicar aqui