A Prefeitura de Jaraguá do Sul, por meio da Secretaria de Assistência Social, comunica que dos 463 cadastros dos moradores que tiveram suas casas danificadas pela passagem do ciclone bomba, em 30 de junho, 353 foram aprovados, 95 apresentaram irregularidades e 15 foram cancelados.

Todos buscam liberação do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) junto à Caixa Econômica Federal (CEF).

A Caixa autorizará a liberação de até R$ 6.220,00 por conta ativa de FGTS, desde que haja comprovação de que o fenômeno tenha provocado destelhamento, desabamento de muro, quebra de vidros, danos elétricos, danos econômicos por falta de energia elétrica na unidade consumidora ou avaria na edificação.

A Secretaria, que apontou, num primeiro momento, 204 cadastros com irregularidades, enviará para a instituição bancária a planilha com os dados dos 353 cadastros finalizados.

Estes entram em outra etapa, necessária para a liberação dos valores. Outra planilha com os 95 cadastros inconsistentes segue para a Diretoria de Habitação, visando resolução.

Após análise por parte da Caixa, as unidades habitacionais aprovadas serão divulgadas em listagem no site da prefeitura, porém, ainda não há previsão de data para que isso ocorra.

Com informações da assessoria de comunicação da PMJS.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul