O Hospital São José, de Jaraguá do Sul, no Norte catarinense, contará com 120 novas poltronas acolchoadas e reclináveis a partir de dezembro. Elas serão destinadas para acompanhantes de pacientes do SUS internados na unidade. Essa conquista é resultado de uma ação do vereador Anderson Kassner (PP), que vem buscando recursos financeiros junto a lideranças políticas e empresariais desde setembro. Depois de muito trabalho, o vereador recebeu, nesta semana, a confirmação da doação de R$ 120 mil, por um casal de empresários. 

Kassner explica que a busca por melhorias em ambiente hospitalar é antiga. “Quando fiquei como acompanhante do avô de minha esposa no hospital, anos atrás, me coloquei no lugar das pessoas que precisam ficar acomodadas em poltronas não reclináveis por dias, semanas e até meses.” 

O atual modelo de poltrona do Hospital São José não permite repouso de corpo inteiro e prejudica o bem-estar de quem precisa dar suporte emocional aos internados. “O acompanhante do doente precisa estar bem para dar assistência a quem está mais precisando naquele momento. Muitas vezes, são pessoas que precisam trabalhar no dia seguinte. Mas elas não conseguem repousar bem e amanhecem com dores por todo o corpo em razão do desconforto”, enfatiza.    

Além da urgência por poltronas mais confortáveis, Kassner identificou a necessidade de instalação de aparelhos de ar-condicionado nos quartos do hospital. “Consegui viabilizar a doação de 13 aparelhos para a antiga ala Santo Antônio, do SUS, em janeiro do ano passado”, recorda. “Glória a Deus por essas conquistas. E obrigada aos empresários que se sensibilizaram com essas reivindicações. O bem que fazemos às pessoas volta para nós”, entende o vereador.

Vereador busca agora dinheiro para aquisição de poltronas ao Hospital Jaraguá 

Outra ação de Kassner consiste na busca de verba para a aquisição de 50 poltronas acolchoadas e reclináveis ao Hospital e Maternidade Jaraguá de Jaraguá do Sul, no valor total de R$ 50 mil, e mais 51 cadeiras longarinas estofadas para o pronto-atendimento infantil da unidade, no valor total de R$ 10 mil. A expectativa é que a demanda seja atendida com recursos de uma emenda parlamentar, que está sendo articulada pelo ex-prefeito Dieter Janssen (PP), já para o começo de 2018.  

*Com informações da assessoria de imprensa