Repleta de rios e áreas verdes, Jaraguá do Sul oferece uma ampla gama de atividades para quem deseja conhecer e aproveitar mais a fundo a cidade. Não é preciso ir muito longe para curtir o contato com a natureza, praticar esportes radicais ou fazer um piquenique com a família – com um pouco de criatividade as possibilidades são inúmeras. O designer David Erhardt é de Joinville, mas adotou Jaraguá do Sul como lar aos seis anos de idade. Desde então, ele vem descobrindo as riquezas e belezas naturais da cidade, as quais faz questão de visitar. Entre os locais preferidos do designer está o Morro da Boa Vista, conhecido como Morro da Antena. “Gosto de subir lá de vez em quando. O visual é deslumbrante, especialmente em dias ensolarados, mas nos dias nublados também é muito legal ver o tapete de nuvens que se forma no horizonte. O pôr-do-sol é incrível lá de cima”, comenta ele. Para os mais radicais, a localidade também pode ser palco para muita adrenalina: isso porque o espaço é utilizado para a prática de voo livre. Segundo o instrutor da modalidade Maicon Pellense, hoje existem cerca de oito escolas que promovem a atividade na cidade e o custo fica em média R$ 200. “Normalmente os voos são feitos entre as 9h e 14h, mas tudo depende do clima”, explica o instrutor, que atende mais de 500 alunos por ano. A atividade é recomendada para maiores de 16 anos. canoagem - corupá - jaraguá do sul - rio itapocu (39) Quem gosta de contato com a natureza também pode experimentar uma aula de canoagem no Clube de Canoagem Kentucky. Atuando há 27 anos no município, o clube oferece um projeto de interação em que não associados podem experimentar o esporte. De acordo com Renato Fritsche, presidente do clube, o “passe” custa R$ 30 e dá direito ao uso do equipamento. “Trabalhamos tanto a parte psicológica quanto técnica e explicamos tudo para que as pessoas possam praticar o esporte com segurança. A canoagem é interessante porque não há rotina, cada descida é diferente, e ainda tem um contato direto com a natureza, o que nos ensina a importância de preservar”, explica o instrutor. Foi justamente os encantos de Jaraguá do Sul que estimularam o profissional de TI Daniel Marques a participar do projeto Bike Anjo, que ajuda pessoas a pedalarem de maneira mais segura. “Além das aulas oferecidas toda a quinta-feira para os iniciantes, realizamos a uma série de passeios e eventos em parceria com empresas”, explica Marques. Apesar de o projeto ainda não ter definido o calendário deste ano, vale a pena acompanhar a iniciativa e, quem sabe, arriscar uma pedalada com a família. O que fazer? Confira algumas opções e divirta-se! Clube de Canoagem Kentucky De segunda-feira a sexta-feira, das 17h30 até as 20h Rua 13 de Maio, 141, Czerniewicz. Contato: (47) 3371-1331 / 8804-9367 O que fazer: o clube oferece aulas de canoagem tanto para iniciantes, quanto para pessoas experientes que buscam novas aventuras. Aos finais de semana, organiza viagens para explorar diferentes localidades. Também trabalha a preservação ecológica. Jaraguá Clube de Voo Livre - JCVL Rua Santilia Pures Rangel, S/N, Ilha da Figueira Contato: www.jcvl.com.br O que fazer: se trata de um clube que reúne as escolas de voo livre da cidade. Para participar, basta entrar no site, escolher uma das escolas conveniadas e agendar um voo. Ginásio de Esportes Arthur Müller R. Pres. Epitácio Pessoa, 1033, Centro Contato: (47) 3371-4504 O que fazer: em frente ao ginásio existe um espaço com cestas de basquete, pilares para colocação de rede de vôlei e estrutura para ginástica. Alguns grupos se reúnem no local para a prática de esportes, como é o caso do The Rua Calisthenics. O espaço interno está disponível para aluguel. Morro da Boa Vista Localizado à margem direita do Rio Jaraguá, o acesso ao morro é pela Rua Domingos da Rosa, na Ilha da Figueira. A passagem pela fazenda de acesso é liberada diariamente, das 6h às 18h, sem necessidade de autorização. O que fazer: com 897 metros, é uma das vistas mais bonitas da cidade, e só por isso já vale o passeio. É um bom local para fazer piqueniques ou observar o pôr-do-sol. Também é um local muito utilizado para a prática de voo livre. Por uma trilha, é possível chegar ao Pico de Jaraguá, ponto mais alto do morro. Pico Malwee Localizado na Barra do Rio Cerro, o acesso ao pico se dá a partir da Rua Domingos Vieira. Para visitar, é preciso solicitar autorização e agendamento na Associação Recreativa da Malwee. Contato: (47) 3376-0214 O que fazer: com 550 metros de altura, possui uma rampa para a prática de voo livre e pode ser utilizado para a prática de trekking (trilhas). A pé, a subida demora cerca de uma hora e meia. Bike Anjo Jaraguá Acontece em diferentes localidades. A maioria das atividades sai dos Sesc, às 19h. Contato: www.bikeanjojaragua.com.br O que fazer: é um projeto para quem deseja começar a pedalar pela cidade e usar a bike como meio de transporte. Promove passeios para diferentes localidades, sempre de forma segura com o auxilio de instrutores. Parque Malwee Diariamente, 7h30 às 17 horas Rua Wolfgang Weege, 770 - Bairro Parque Malwee Contato: (47) 3376-0114 O que fazer: velho conhecido dos jaraguaenses, o parque oferece espaço para lazer, como caminhadas, pedaladas e corridas, além de ser um ótimo local para a realização de piqueniques. As choupanas também são uma boa pedida para o churrasco de domingo. Durante o verão, a lagoa está aberta para a temporada de pesca, em complemento aos pedalinhos e praticantes de stand up-paddle. Dica: no segundo e quarto domingo de cada mês, às 9h, acontece o Yoga no Parque Malwee, evento gratuito e aberto ao público. A primeira edição deste ano será no dia 14 de fevereiro.