Buscando dar sequência no Bolsa Cultural, a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) de Jaraguá do Sul abre hoje (28) as inscrições para profissionais que pretendem dar aula no programa. No ano passado, a iniciativa atendeu cerca de mil alunos.

De acordo com a secretária de Cultura, Esporte e Lazer, Natália Lúcia Petry, em 2018 foram abertas 16 vagas de professores ao programa, mas apenas oito se inscreveram, por isso serão disponibilizadas novas vagas. As inscrições se encerram no dia 29 de abril. "Acredito que até 10 de maio efetivaremos a contratação de todos", antecipa.

Ao todo, serão nove vagas abertas - duas para teatro, três em dança e quatro na área musical, que compõe o violão, flauta doce e/ou percussão corporal.

Natália afirma que o investimento máximo gasto com essas contratações será de R$ 439.298,64. "Esse cálculo foi feito caso todos professores atendam aos critérios máximos", explica.

O edital aberto nesta quinta-feira prevê três categorias para contratação dos professores. A primeira é para formação de nível técnico, destinado à aqueles que tenham curso técnico profissionalizante ou graduação em nível superior em andamento.

Outra categoria será para educadores que possuam pós graduação, mestrado ou doutorado na modalidade pleiteada.

Já o terceiro é para profissionais que tenham graduação na modalidade pleiteada ou nos cursos de educação física e artes e que possuam especialização, mestrado ou doutorado na modalidade.

As pessoas que atenderem a primeira categoria tem direito ao salário de 12 UPM's, enquanto o segundo critério destina 20 UPM's e, por fim, a categoria final atenderá a 22 UPM's. O valor da Unidade Padrão Municipal (UPM) para 2019 é de R$ 184,89.

Importância do Bolsa Cultural

Natália afirma que as modalidades no programa vão de encontro as solicitações dos alunos. Em 2017, membros da Secel passaram nas escolas para analisar quais modalidades culturais os estudantes gostariam de aprender.

"Na ocasião, cerca de 1.700 alunos disseram que gostariam da presença do Bolsa Cultural. Como novos professores o programa vai atingir mais alunos", diz.

No ano passado, 10 escolas municipais foram beneficiadas com o programa, além do Centro de Esportes Unificados (CEU) e o Centro de Convivência.

Na escola municipal Atayde Machado, 48 alunos participaram das aulas de violão e 40 das aulas de teatro, que começaram no início de setembro e foram até dezembro.

Mesmo em um período curto, a diretora da escola Rita de Cássia Maciel Costa acredita que os benefícios já puderam ser vistos na atitude dos alunos. "O projeto trouxe um maior engajamento dos estudantes, melhorando a concentração e o envolvimento deles, além do aprimoramento com as modalidades escolhidas", expõe.

Inscrições

As inscrições serão efetuadas exclusivamente na Diretoria de Cultura, que fica na avenida Getúlio Vargas, 405, centro, das 8 às 11h30 e das 13h30 às 16 horas. O processo de seleção consistirá em conferência e análise documental, classificação, recurso e homologação.

 

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?