O secretário de Estado da Saúde, deputado estadual licenciado, Vicente Caropreso, confirmou a liberação de R$ 35 milhões pelo Ministério da Saúde para Santa Catarina. A informação foi recebida nesta terça-feira (24), durante reunião com o ministro da pasta, Ricardo Barros, e teve a participação do governador catarinense, Raimundo Colombo, e da bancada federal.

Os recursos, de R$ 25 milhões, estarão disponíveis dentro de duas semanas e serão aplicados no custeio das unidades hospitalares e na realização de cirurgias eletivas. O Ministério da Saúde também garantiu para o início de 2018, o repasse de R$ 10 milhões para habilitações em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e outras especialidades.

Para Jaraguá do Sul e região, será feito o pagamento de atrasados da SES para os dois hospitais e a habilitação de três leitos da rede cegonha para o Hospital Jaraguá, sendo mais R$ 150 mil por ano.

Comitiva catarinense que se encontrou com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, nesta terça, em Brasília | Foto Julio Cavaleiro/Secom/Divulgação/OCP

“Temos trabalhado incansavelmente para buscar a equidade na divisão dos recursos. Essa liberação é importante para que os hospitais possam honrar seus compromissos e, no próximo ano, possamos ter ainda mais avanços na alta complexidade”, afirmou o secretário.

Na audiência, o secretário entregou ao ministro a solicitação de R$ 3.258.000.00 para a compra de equipamentos da sala híbrida hemodinâmica do Hospital Infantil Jesser Amarante Faria, de Joinville. Assim as crianças não precisarão mais ser transferidas para outros Estados para realizar o exame.

*Com informações da assessoria de imprensa