A 13ª edição do Festival Alternativo acontece hoje e amanhã na Arena Jaraguá com a abertura de exposições às 10 horas da manhã. Nos dois dias de festival os shows iniciam ao meio dia. Se apresentam 22 bandas de seis cidades diferentes. O evento é gratuito e aberto ao público. “Além das 22 bandas selecionadas, trazemos novamente a exemplo de outras edições do Festival Alternativo, a tenda eletrônica. E também o espaço do rock com exposição dos produtos das bandas”, diz a idealizadora do evento Bruni Hübner Schwarts, 45 anos. O presidente da Fundação Cultural de Jaraguá do Sul, Sidnei Marcelo Lopes, 45 anos, disse que o município optou por não investir em novidades esse ano. “O objetivo é valorizarmos a cultura local dentro da realidade econômica que temos, e mostrar que existe música de qualidade sem ser aquela comercial”, disse. banda Coffee Break - Denis Natan (3)

Banda Coffee Break - Foto: Denis Natan

Os “parabéns para você” para a cidade de Jaraguá do Sul, que completa 140 anos na segunda-feira, ficará a cargo da banda Coffee Break formada há dois anos. A banda escreveu uma música titulada “Vale Dourado” para homenagear o município. “Quando soubemos que estaríamos fazendo o encerramento do Festival Alternativo deste ano, pensei que seria muito bom apresentarmos algo especial, em comemoração ao aniversário da cidade. Então a Bruni, veio até mim e disse a mesma coisa, e foi aí que decidi fazer”, diz o guitarrista Gabriel Coelho, 21 anos. A composição poderá ser conferida no domingo (24), às 22h30. Em paralelo com o festival, acontece o Eco Radical com exposições, campeonatos de luta livre, rapel, escalada e brinquedos infantis. O objetivo é que nesses dois dias, passem pela Arena Jaraguá, cerca de 13 mil pessoas.