A mãe que deu à luz ao filho enquanto estava intubada na UTI por complicações da Covid-19 e conheceu seu filho por video chamada, pôde pegar a criança no colo pela primeira vez na manhã desta quarta-feira (28).

O menino Cássio Jordan nasceu com 35 semanas no dia 21 de julho em um parto realizando enquanto a mãe, Cristini de Andrade Griboski, 29 anos, estava intubada por conta do tratamento da Covid-19 no Hospital Regional do Alto Vale, em Rio do Sul.

Cristini viu o seu filho pela primeira vez 24 horas depois do nascimento através de uma videochamada. O pequeno Cássio é o segundo filho de Cristini com Charles Jonas Griboski, que também foi internado por conta da Covid-19. Charles foi diagnosticado em junho e ficou internado no hospital de Ibirama. O pai de Cássio também só viu o filho por meio de uma videochamada.

Primeiro colo

Na manhã desta quarta (28), a família finalmente pôde ter contato físico. Cristini ainda está internada mas não possui previsão de receber alta, mas por já estar curada e ter sido transferida para um leito normal, foi liberada para pegar o filho no colo.

O marido Charles levou Cristini em uma cadeira de rodas até a Ucin (Univade de Cuidad Intermediário Neonatal) onde Cássio está na incubadora pois precisa ganhar mais peso.

Confira o emocionante momento do encontro da mãe e do filho: