Instrumento básico da política de desenvolvimento do município, o Plano Diretor tem como objetivo orientar a atuação do poder público e da iniciativa privada na construção dos espaços urbano e rural, na oferta dos serviços públicos essenciais, visando assegurar melhores condições de vida para a população. Atualmente, o Plano Diretor de Jaraguá do Sul, elaborado em 2007, passa por um processo de revisão, conforme previsto em lei. Isso porque em dez anos muitas mudanças podem ser necessárias ao projeto, já que este deve refletir os anseios da comunidade e indicar caminhos para uma cidade melhor. O Plano Diretor é um conjunto de normas obrigatórias, elaborado por lei municipal específica, que regula as atividades e os empreendimentos do próprio Poder Público Municipal e das pessoas físicas ou jurídicas, de Direito Privado ou Público, a serem levados a efeito no território municipal. O estudo deve levar em conta, por exemplo, a necessidade de helipontos e a instalação, no futuro, de VLTs (veículos leves sobre trilhos), opção que antes não era cogitada. A cidade vem se expandindo cada vez mais, bem como se eleva, ano a ano, o número de pessoas que migram para Jaraguá do Sul. Essa expansão, quando bem planejada, tende a trazer inúmeros benefícios nas mais variadas áreas (econômica, cultural, turística, social). O Plano Diretor é um dos principais mecanismos para a implementação do desenvolvimento sustentável da. E nesse debate a sociedade ocupa posição de destaque em todas as suas fases de elaboração. Porque planejar a cidade que se quer construir é uma tarefa de todos e uma reflexão que precisa ser constante. Implementar a política de desenvolvimento urbano com o escopo de ordenar o pleno desenvolvimento das funções sociais da cidade é garantir o bem-estar de seus habitantes.