Começam mudanças no trânsito da Walter Marquardt

Cotidiano

Por: OCP News Jaraguá do Sul

terça-feira, 06:45 - 16/02/2016

OCP News Jaraguá do Sul
Dando início a uma série de readequações previstas para esta semana na Rua Walter Marquardt, a Prefeitura instalou dois novos semáforos em frente à Rua Isidoro Pedri e efetuou a remoção dos tachões no trecho que vai da Ponte Ottília Prim Schmitt (a Ponte do Curtume) até a Rua 25 de julho. Por volta das 10h30 de ontem, uma equipe trabalhava na verificação e ligação dos dois novos semáforos, que passarão a controlar o acesso à Rua Isidoro Pedri, ao lado do Sesi, via que será transformada em mão única em direção à Rua Artur Henschel. Por enquanto, os semáforos devem funcionar em sistema de alerta, até que as demais adequações estejam finalizadas. Segundo o encarregado de sistemas eletrônicos da Prefeitura, Paulo Cesar Kongenski, sensores instalados na rua permitirão que os aparelhos funcionem de acordo com a demanda de veículos e pedestres da via. “Quando tiver algum carro parado em frente aos acessos das ruas secundárias, os sensores irão fazer com que o semáforo abra. O mesmo vale para os pedestres, que terão que apertar um botão para que o semáforo feche”, detalha ele. Sem nenhuma demanda, os semáforos irão permanecer abertos. De acordo com o secretário de Urbanismo e Mobilidade do município, Ronis Bosse, na sequencia está prevista a alteração do acesso à Rua Adolf Putjer, ao lado da Prefeitura, que passará a ser proibido para quem vem no sentido Centro-bairro. “Nosso prazo para finalização é de quatro dias, se não chover. Não temos um horário específico para realizar as obras, que podem gerar lentidão, então a recomendação é que quem puder utilize a Rua João Januário Ayroso [no Jaraguá Esquerdo] como alternativa”, diz o secretário. Até o final da semana estão previstas ainda a inclusão de uma nova pista no sentido que vai dos bairros ao Centro e a ampliação da ciclofaixa. Com as alterações, o trecho irá perder todas as vagas de estacionamento. Dúvida e curiosidade Moradores da cidade ainda demonstram ter dúvidas sobre como ficará a via e se mostram curiosos sobre o resultado das mudanças. “O movimento afunila todo aqui na frente, mesmo depois da construção da ponte [do Curtume]. É um problema sério para quem anda por aqui. Pode ser que ajude, mas teremos que esperar para ver”, diz a empresária Melissa Maba, proprietária de uma loja de tintas da região. A instalação de novos semáforos casou receio ao autônomo Abercio Seechis. “Dá a impressão que vai segurar mais ainda, ou que vai transferir o trânsito para a rotatória”, comenta. O estudante David Gabriel Ferreira acredita que as alterações deverão oferecer mais segurança para quem depende da bicicleta. “Vai ser muito bom ter mais um pedaço de ciclofaixa. É perigoso andar por aqui”, afirma.

Entenda as mudanças que têm como objetivo facilitar o fluxo de carros nos horários de pico

Editoria de Arte/O Correio do Povo
Editoria de Arte/O Correio do Povo
 
×