Segundo os meteorologistas Piter Scheuer e Ronaldo Coutinho, como previsto, o vento máximo reforçado pelo ciclone subtropical variou entre 80 e 100 km/h em Santa Catarina, com destaque para o Sul do estado.

No Costão da Serra e a região de Siderópolis, o vento passou dos 100 km/h.

No Oeste, Meio Oeste e Nordeste do estado foram registradas rajadas de vento entre os 50 e 80 km/h.

O ciclone já se encontra em alto mar e não oferece mais riscos.

Foto: Mapa Ciram