Os minutos devastadores do ciclone bomba em 30 de junho, com ventos de até 120 quilômetros por hora em algumas regiões de Santa Catarina, foram suficientes para deixar, também, um rastro de destruição na agricultura de Jaraguá do Sul.

Relatório da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Rural e Abastecimento aponta para prejuízo de mais de R$ 12,9 milhões. Os bananicultores foram os mais atingidos.

A secretaria calcula em R$ 9,7 milhões os prejuízos com 647.160 caixas de 22 quilos da fruta. Isso representa 647.160, ou 40% dos 1.630.000 pés perdidos.

A estimativa é muito próxima da que o secretário Daniel Pech projetou na semana passada, antes da conclusão do relatório.

A avicultura também amarga prejuízos da ordem de R$ 200 mil, segundo o secretário, com 17 aviários danificados.

Na olericultura (produção de hortaliças), o valor chega a R$ 338 mil com cinco hectares de área de plantio prejudicada, 21 estufas, de 55 metros de comprimento por seis de largura do Programa Cinturão Verde, avariadas.

Foto Divulgação/PMJS

A secretaria calcula em 100 mil as plantas danificadas, com produção de 100 toneladas perdidas.

Outras 3 mil casas de agricultores, mais de 3 mil galpões, cinco tratores ou equipamentos também foram avariados, somando R$ 1,4 milhão em prejuízos.

A secretaria calcula a necessidade de 2,5 mil horas/máquina para os ajustes das lavouras afetadas, que representa um custo de R$ 300 mil.

O ciclone também devastou reflorestamentos, provocando prejuízo da ordem de R$ 1 milhão, sem contar o imensurável: 2 mil hectares de capoeira e 2,5 mil hectares de mata nativa.

Prejuízos provocados pelo ciclone

  • Bananicultura: R$ 9.707.400,00
  • Avicultura: R$ 200.000,00
  • Olericultura (produção de hortaliças): R$ 338.000,00
  • Outras atividades/instalações afetadas: R$ 2.720.000,00
  • Total: R$ 12.965.400,00
Com informações da assessoria de comunicação da Prefeitura de Jaraguá do Sul.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul