Foto Divulgação
Foto Divulgação

Quatorze mulheres, 28 fotos e uma história em comum: elas superaram o câncer e hoje compartilham o que viveram por intermédio da exposição Revigorar. A ação conta a trajetória de pessoas que passaram pelo processo de mastectomia (cirurgia de remoção completa da mama) e sua luta para vencer a doença.

Após o sucesso da mostra no CIC Blumenau durante o Outubro Rosa, os organizadores da iniciativa decidiram torná-la itinerante para que outras pessoas possam ser impactadas. Ao longo do mês de novembro, ela ficará disponível para visitação na Cafeteria Especial, localizada na rua Hermann Huscher, 104, em Blumenau.

Foto Divulgação

Para Giorgio Sinestri, idealizador da cafeteria, um dos objetivos do espaço é receber trabalhos culturais da comunidade blumenauense, além de promover a inclusão.

“Ficamos sabendo do projeto através da Mariana Florencio, que realiza aulas voluntárias de fotografia aqui no estabelecimento. Em uma das nossas conversas, ela comentou sobre a exposição e nós perguntamos se havia a possibilidade de trazer a mostra para cá durante novembro, já que ele também é um mês de combate ao câncer de próstata”, explica.

Antes mesmo de a iniciativa sair do seu local de origem, ela já havia inspirado outras pessoas. Isso porque, enquanto Sirlei Medeiros Alves, enfermeira e também uma das modelos da exposição Revigorar, visitava sua família em Criciúma, no Sul do estado, a Rede Feminina de Combate ao Câncer da cidade a chamou para falar sobre sua experiência no projeto. Seu relato fez com que a instituição decidisse promover uma campanha similar em 2020, ampliando ainda mais essa rede de amor e conscientização.

Quer receber as notícias no WhatsApp?