O Consórcio Conectar, que reúne quase 3 mil municípios do país, e trabalha com apoio do Ministério da Saúde para ajudar na aquisição de vacinas, medicamentos e insumos de saúde no combate à Covid-19, encaminhou a compra de 30 milhões de doses da Sputnik V e espera que o primeiro lote, com 5 milhões de doses, chegue ao Brasil entre maio e junho.

Liderado pelo prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (DEM), o consórcio aguarda que a Anvisa conclua até sábado (24) a inspeção dos imunizantes, liberando a assinatura do contrato para aquisição, que possivelmente ocorrerá até o final deste mês. As outras 25 milhões de doses chegarão no país até dezembro.

 

Cronograma

De acordo com Rodrigo Cruz, secretário-executivo do Ministério da Saúde, o principal desafio é a antecipação das doses no primeiro semestre deste ano.

“Em termos quantitativos, a gente já tem contrato assinado com mais de 560 milhões de doses e a expectativa é receber todas ainda em 2021”, diss Cruz. O principal desafio refere-se a garantir o cumprimento do cronograma e, se possível, assegurar a antecipação das entregas.