As mulheres que formam o grupo Costura Solidária realizam hoje (26) um bazar beneficente para manter as atividades. A ação acontece no Centro Cultural Neue Heimat, casa do projeto responsável por criar peças e enviar para crianças africanas. Engajadas socialmente, elas também querem conseguir dinheiro para contribuir com o projeto Missão Para o Interior da África. Para apadrinhar 50 crianças, bancando uma refeição, é preciso doar R$ 275 mensais. Mais de 1,5 mil peças já estão prontas para serem comercializadas ao público. linha azul VEJA TAMBÉM Voluntárias produzem roupas para crianças africanas | Iniciativa enviou 475 peças para o continente e busca novas formas de contribuir com quem precisa linha azul São modelos para bebês, crianças e mulheres com preços acessíveis, a partir de R$ 5. Ainda haverá peças de artesanato. Como a comunidade local também é foco de atenção, as mulheres pretendem doar parte dessas roupas para a população carente. “Nossa expectativa é grande, vamos ver como vai ser a aceitação das pessoas ao bazar”, aponta a coordenadora da ação, Dária Webers. O bazar acontece das 10h às 17h, e o Centro Cultura fica no bairro Vila Lalau, rua Alberto Santos Dumont, 800.