A agência do banco Bradesco na área central de Criciúma ficará fechada nesta quinta-feira (29). Segundo o Sindicato dos Bancários de Criciúma e região a não abertura é em protesto as demissões de funcionários que vem ocorrendo. Foram, segundo a presidente do sindicato, Dirceia Locatelli, seis demissões desde o início da pandemia.

Os caixas eletrônicos continuam em operação para serviços como saques e depósitos, o que não ocorre é o atendimento pessoal com funcionários da agência. No dia 15 deste mês uma manifestação semelhante já havia sido realizada.

Na página do Sindicato no Facebook uma postagem afirma que “foram mais seis demissões somente nesta agência. Uma falta de sensibilidade com os trabalhadores e suas famílias e de respeito com os sindicatos, pois eles, o Bradesco e o demais bancos, haviam se comprometeram a não demitir durante a pandemia e não estão cumprindo o acordo”, diz a publicação.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp