Nesta semana, a Vigilância Epidemiológica de Timbó confirmou a morte de um homem por meningite meningocócica. O paciente de 37 anos, que era morador da cidade de Pomerode, estava internado no Hospital Oase, de Timbó, desde o dia 1º de novembro.

Em 2019, até o final de outubro, o Governo de Santa Catarina confirmou 47 casos da doença no estado, com um total de 11 óbitos. Desde 2010, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece a vacina Meningococo C, voltada para crianças, com doses aos três e cinco meses, e um reforço com um ano de idade. A partir de 2017, os adolescentes entre 11 e 14 anos também passaram a receber a dose gratuita.

O que é meningite?

É uma inflamação das meninges, membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. A meningite pode ser causada por vírus ou bactéria, que é a mais grave. Os principais sinais e sintomas são: febre alta que começa abruptamente, dor de cabeça intensa e contínua, vômito, náuseas, rigidez de nuca e manchas vermelhas ou arroxeadas na pele ou mesmo hematomas.

 

 

Em crianças menores de um ano de idade, esses sintomas podem não ser tão evidentes e os pais ou responsáveis devem atentar para a presença de moleira tensa ou elevada, irritabilidade, inquietação com choro agudo e persistente e rigidez corporal com ou sem convulsões.

Quer receber as notícias no WhatsApp?