Foto Divulgação/Fifa
Foto Divulgação/Fifa

Uma das principais estrelas do futebol mundial, o atacante Neymar vive talvez seu pior momento na carreira. Mas a má fase não se limita apenas dentro de campo, onde o jogador do PSG-FRA vem sofrendo com muitas lesões e perdendo jogos importantes da temporada.

Fora das quatro linhas, as inúmeras polêmicas, como a recente acusação de estupro da modelo Najila Trindade, também afetam negativamente a imagem do astro, que vê seu valor de mercado cair drasticamente em 2019.

Segundo o CIES Football Observatory, entidade europeia que faz estudos sobre atletas e clubes, o brasileiro vale cerca de R$ 400 milhões a menos do que no começo do ano.

Em janeiro de 2019, a organização avaliava Neymar com um preço potencial de 213 milhões de euros (R$ 933,35 milhões). Agora, a avaliação fica entre 120 e 150 milhões de euros (R$ 525,83 milhões e R$ 657,28 milhões).

Neymar caído após lesão que o tirou da Copa América | Foto Pedro Martins/MoWA Press

Com o corte da Copa América devido a uma lesão no tornozelo direito, a tendência é que esse valor caia ainda mais nos próximos meses, tendo ainda a possibilidade de ficar de fora dos Top 50 da Bola de Ouro da Fifa.

Vale lembrar que, em 2017, o PSG pagou 222 milhões de euros (R$ 658,4 milhões) para tirar o jogador do Barcelona-ESP.

Desde então, ele jogou apenas 51,8% dos jogos do time francês. No mesmo período, Messi esteve em campo em 87% das partidas do Barcelona, e Cristiano Ronaldo jogou 77% dos compromissos, entre Real Madrid-ESP e Juventus-ITA.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?