Única representante de Jaraguá do Sul na história do UFC, Taila Santos não irá mais a Montevidéu, no Uruguai, onde faria sua segunda luta na organização no próximo dia 10 de agosto.

Com uma lesão no pulso direito sofrida durante um treino, a jaraguaense, que enfrentaria a estreante Ariane ‘Sorriso’ no peso-mosca, teve de ser retirada do evento.

Ainda não há prazo estipulado de recuperação para lutadora de 25 anos voltar ao octógono. Contudo, não precisará de cirurgia, por ter sido uma lesão sem tanta gravidade.

“É difícil deixar a luta, faltando pouco tempo para o evento. Já estava numa preparação e estratégia de luta. Mas logo estou de volta no cage”, disse Taila.

Taila estreou no UFC Fortaleza, em fevereiro | Foto Divulgação/UFC

Essa foi a segunda mudança na mesma luta, já que a jaraguaense iria encarar Ashlee Evans-Smith, mas a americana teve de sair por motivos não divulgados.

Com o UFC Uruguai muito próximo de acontecer, ainda não se sabe se a paulista Ariane conseguirá uma adversária até a próxima semana.

Atleta da Astra Fight Team, de Balneário Camboriú, Taila tem um cartel de 15 vitórias (10 nocautes, duas finalizações e três decisões dos juízes) e apenas um revés.

A invencibilidade no MMA caiu em sua estreia no UFC, em Fortaleza, no dia 2 de fevereiro, quando perdeu para italiana Mara Borella, em decisão dividida dos juízes.

 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

Telegram

Facebook Messenger

WhatsApp