Filhos do ex-jogador do Jaraguá Futsal e da seleção brasileira, Xoxo, os jovens Hector, de 14 anos, e Herick, 13, encaram um novo desafio na busca pelo sonho de se tornarem jogadores profissionais de futebol.

Com passagens pelos gaúchos Internacional, Grêmio e Juventude, os meninos agora tentam o sucesso no Cerro Porteño, clube mais tradicional do Paraguai.

Os dirigentes do “El Ciclón”, como é popularmente conhecido, já estavam observando os jaraguaenses há mais de um mês através de vídeos e chamaram os irmãos para um período de testes em Assunção.

Após uma semana de avaliação, a dupla chamou a atenção do clube, que resolveu integrá-los às categorias de base de forma definitiva.

Foto Divulgação

Primeiros brasileiros a fazerem parte das equipes menores do Cerro, Hector e Herick vem alternando períodos de treinos de segunda a sábado, pela manhã, com os estudos, pela tarde.

Uma rotina acompanhada de perto pela mãe Viviane, que se mudou para capital paraguaia, enquanto o pai segue em Jaraguá do Sul para continuar na coordenação da Escolinha Xoxo 10.

“Vou fazer essa correria de ficar em Jaraguá e viajar para Assunção a passeio. Mas é uma correria boa, afinal, o que a gente não faz pelos filhos né?!”, disse Xoxo.

Segundo o ex-atleta profissional, o momento agora é dos meninos se adaptarem ao país e sua cultura, já que não falta qualidade em campo.

“Os meninos da base do Cerro são muito fortes fisicamente, mas o Hector e Herick chamaram a atenção pela qualidade e inteligência com a bola no pé. Eles estão estudando para se adaptar ao estilo do clube e a língua. Estamos bem animados”, finalizou.

 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger