Representante de Jaraguá do Sul no maior evento de MMA do mundo, Taila Santos já está em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, onde enfrentará a inglesa Molly McCann, na “Ilha da Luta” do UFC, no próximo dia 15 de julho.

Antes de chegar no país asiático no último domingo (5), a jaraguaense ficou três dias confinada em um hotel de São Paulo. Na capital paulista, ela passou por exames para coronavírus, sendo que todos deram negativos.

Foto: Divulgação/UFC

Acompanhada pelos técnicos Marcelo Brigadeiro e Marcelo Zulu, a atleta da Astra Fight Team agora passará por mais dois testes de Covid-19 e ficará mais um período em isolamento no hotel em Abu Dhabi, dando sequência a preparação dentro do quarto.

Diante de McCann, Taila buscará a primeira vitória no peso-mosca do Ultimate. Em sua estreia no evento, em fevereiro do ano passado, ela perdeu para italiana Mara Borella, em decisão dividida dos juízes, no UFC Fortaleza.

Mais de um ano depois, a lutadora de 26 anos se mostra ansiosa, mas confiante em começar a escrever uma nova história no UFC.

“Sempre tem aquele pingo de ansiedade para que chegue logo o dia da luta. Estou muito confiante, bem de cabeça e fisicamente. Fiz treinos muito intensos e a preparação foi muito boa. Estou preparado para dar meu melhor no octógono”, disse Taila.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul