A Agecred/Fase Boa frustrou o sonho do Cruzeiro/Rede Zandoná/Butuca de chegar ao tricampeonato consecutivo do Citadino de Futsal de Joinville.

Na noite de sexta-feira (30), os massarandubenses foram superados pelo time da casa por 4 a 3, no ginásio Abel Schultz, e ficaram com o vice do torneio, após os títulos de 2016 e 2017.

A Agecred construiu a vitória no primeiro tempo, quando foi superior e abriu uma vantagem de 4 a 2. Único representante da região do Vale do Itapocu na disputa, o Cruzeiro reagiu na etapa final e encostou no placar, mas não o suficiente para chegar ao empate.

Felipi Coxinha, Juninho e Alan Padilha marcaram os gols dos cruzeirenses, que ainda terminaram a competição com a defesa menos vazada.

“Não queríamos encerrar o ano com essa derrota, mas faz parte e a equipe deles (Agecred) foi superior. É sempre importante chegar em mais uma decisão em um ano que fizemos grandes competições, como essa do Citadino. Só no Torneio de Verão de Schroeder não chegamos entre os quatro melhores colocados e agora vamos planejar 2019”, disse Henrique Morsch, capitão do Cruzeiro.

LEIA TAMBÉM: Butuca/Cruzeiro mantém hegemonia e fatura 17º título no Municipal de Futsal de Massaranduba

Quer receber as notícias no WhatsApp?