Enquanto marca jaraguaense, Argi Carroçaria assume responsabilidade e visa ser sustentável em tudo o que faz. Ao proteger recursos hídricos, obter fontes sustentáveis e defender o descarte correto aos materiais, fabricamos um mundo melhor.

ENERGIA RENOVÁVEL

Há 4 anos o pilar ambiental da fábrica de carroçarias se fortaleceu ao tornar a sua energia 100% renovável com painéis solares.

Além da produção, a Argi Carroçarias já possui como símbolo a energia limpa, ao iniciar as comemorações de seus 50 anos reforçando os compromissos e ações focadas na construção de um futuro mais sustentável. Todos os colaboradores que possuem casa própria foram presenteados com a instalação de placas solares, já os que moram em apartamentos ou locais alugados, ganharam bicicletas elétricas.

Imagem divulgação Argi Carroçarias

RECICLAR O MÁXIMO POSSÍVEL

Em processo para adquirir o selo verde, toda a matéria utilizada na empresa possui descarte adequado.

“Realizamos a seleção aqui. A partir disso, destinamos para o local adequado, por exemplo, a lenha doamos a empresas que produzem cepilho. Plástico e papelão são designados a um senhor que recolhe diretamente aqui e o leva para uma empresa que reaproveita resíduos”, comenta Richard.

CONSUMO SUSTENTÁVEL

Focados em chegar ao nível de sustentabilidade em todos os âmbitos da empresa, minimizaram o consumo de água a partir da implementação da captação da água da chuva.

Seguindo a premissa do consumo consciente, a Argi preocupa-se genuinamente com os produtos utilizados na fabricação de suas carroçarias. Escolhe apenas os que não geram contaminação ao solo e a água.

TORNAR O MUNDO MAIS VERDE

Não existe natureza separada da gente. Tudo é natureza, como iremos transformá-la e preservá-la cabe a nós, mas como é possível usar nossa voz pela natureza?

A empresa acredita que quanto mais adquirimos conhecimento sobre os impactos que causamos no meio ambiente, criamos mais responsabilidades. E, quando desenvolvemos responsabilidades, usar nossa voz é algo natural. Assim, a família Argi encontrou o caminho para transmitir o cuidado em tornar o mundo mais verde, através do reflorestamento de um terreno no bairro Rio da Luz, em Jaraguá do Sul.

“Todo mundo polui o planeta, consome energia e oxigênio, então pensamos em uma forma de contribuir para a diminuição dos impactos causados pela nossa família. Graças a Rolf Hermann, meu pai, construímos uma árvore genealógica de toda nossa família, calculamos quanto oxigênio uma pessoa consome por ano e a idade média que cada um irá viver (em torno de 80 anos). Então, multiplicamos pela idade e pelo número de familiares. O resultado final foi o número de árvores que plantamos para ficar eternamente produzindo oxigênio”, diz Richard Hermann.