Na próxima edição, o Femusc contará com um coro formado pela comunidade jaraguaense. Ele subirá ao palco nas apresentações de duas importantes obras: La Traviata, de Giuseppe Verdi, e 9ª Sinfonia, de Ludwig van Beethoven.

Para integrar o grupo, não é necessário ter experiência em corais ou canto. Mas, todos os interessados devem estar presentes na seletiva, agendada para o dia 30 de julho, às 19h, no Centro Cultural Scar.

Conforme a coordenadora, Liara Krobot, o Coro Comunitário não tem limite de participantes e, entre agosto e novembro, serão realizados ensaios, sempre nas terças-feiras, às 20h30.

Em 2020, o Femusc acontecerá de 19 de janeiro a 1 de fevereiro. As inscrições para os alunos seguem abertas até o fim desde mês.

 

 

Na próxima edição, paralelamente ao Programa de Música Erudita, haverá um espaço dedicado à música popular, com novas turmas de piano e teclados, violão, guitarra e cordas dedilhadas, bateria e percussão, canto e expressão corporal, baixo acústico e elétrico e saxofone e flauta. Ao todo, são quase 500 vagas disputadas por instrumentistas de todo o mundo.

No repertório, também estarão obras como a 2ª Serenata, de Johannes Brahms, e o Concerto para Oboé e Pequena Orquestra, de Richard Strauss.

Nesta, o solista será o diretor-artístico do Femusc, que, em 2001, ganhou o único Prêmio Grammy brasileiro na Música Clássica com a gravação da mesma obra, na época, executada pela Orquestra Sinfônica de Chicago, sob direção de Daniel Barenboim.

Com informações da assessoria de imprensa

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito: 

WhatsApp  

Telegram  

Facebook Messenger