A suspeita de um caso de 'vaca louca' em um frigorífico de Belo Horizonte (MG) paralisou o comércio internacional de boi gordo na Bolsa de Valores de São Paulo na quarta-feira (1º) e fez o preço da arroba (15kg) cair 4% no mercado internacional, chegando a R$ 297,65. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) está investigando o caso.

Os rumores de um caso suspeito da doença, fizeram com que as negociações do boi gordo perdesse a força. Nos últimos nove meses, a cotação mais baixa registrada havia sido de 5,13%. Naquela época, em dezembro de 2020, o preço chegou a R$ 303, 55.

Consultores temem que o preço do boi gordo continue sendo afetado nos próximos dias, pelo menos até que o Mapa conclua as investigações.

De acordo com o site UOL, o caso teria ocorrido em junho e o animal já foi sacrificado. O primeiro teste deu positivo e o segundo, negativo. O ministério só deverá se manifestar após receber o resultado do terceiro exame.

O frigorífico Plena Alimentos tem habilitação para exportar e, se a contraprova der positivo, o setor todo pode sofrer sanções sanitárias, com suspensões de importações de carne bovina brasileira.