Samae vai ampliar rede de esgoto no Centro de Jaraguá do Sul 

Por: Elissandro Sutil

03/01/2022 - 15:01 - Atualizada em: 04/01/2022 - 17:24

Nesta semana o Samae de Jaraguá do Sul começa a implantação de redes coletoras de esgoto sanitário em um trecho da área central da cidade para interligar as ruas laterais com o sistema.

Trata-se das ruas Coronel Bernardo Grubba e Avenida Getúlio Vargas.

O trabalho será feito em duas etapas, a primeira com início nesta terça-feira (4) e que compreende as marcações e cortes do pavimento nas duas vias.

A segunda etapa prevista para iniciar dia 10 de janeiro é a etapa das intervenções, escavações e a efetiva implantação dos tubos que formarão a rede coletora do esgoto gerado pela população que reside ou que frequenta os comércios e outros estabelecimentos.

Por fim, será feita a recuperação do pavimento.

As obras serão executadas neste mês de janeiro devido ao fluxo menor de veículos em Jaraguá do Sul, pois compreende o período de férias escolares e da maioria das empresas.

A intenção é causar o menor impacto possível na rotina das pessoas que transitam por essas vias.

Na Rua Coronel Bernardo Grubba, a intervenção será feita pela calçada, a partir da esquina da Clínica SER até o Supermercado Angeloni.

Na Rua Getúlio Vargas a intervenção se dará pelos acostamentos e parcialmente sobre a via (faixas da esquerda), desde o Supermercado Angeloni até a unidade Central dos Correios.

As vias estarão devidamente sinalizadas, mas requer atenção redobrada de motoristas, ciclistas e pedestres.

Investimentos para 2022

O município possui um dos maiores índices de cobertura de esgoto sanitário de Santa Catarina e do Brasil, chegando a 90%. “Jaraguá do Sul, nos últimos 10 anos, teve um avanço grande no tratamento de esgoto de 40% chegando a 90% em 2022”, completa Ademir Izidoro, diretor presidente do Samae.

Nesse ano, o Samae segue com a execução dos projetos em andamento, entre eles as redes de tratamento de esgoto dos Três Rios do Sul e Três Rios do Norte.

O projeto foi divido em duas etapas e a primeira já foi autorizada pelo prefeito Antídio Lunelli. A previsão é que o edital de licitação seja publicado no dia 12 de janeiro.

A obra vai atender mais de 500 residências e tem mais de doze quilômetros de extensão da rede e três grandes elevatórias de esgoto. O custo ficará em torno de R$ 5 milhões.

Outro projeto importante é a ampliação da estação de tratamento do bairro Água Verde, que recebe investimentos próprios do Samae e conta com novos equipamentos e tecnologias. A estação vai tratar cerca de 30% do esgoto de Jaraguá do Sul.

“Essa obra será bem importante, pois a estação anterior foi demolida, porque tinha 25 anos e estava totalmente obsoleta” disse Ademir.

A obra no bairro Água Verde será inaugurada no mês de fevereiro.