Pontos de espera das redes de esgoto devem estar visíveis, alerta Samae

Foto: divulgação/PMJS

Por: Elisângela Pezzutti

06/09/2023 - 11:09 - Atualizada em: 06/09/2023 - 11:12

O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Jaraguá do Sul está orientando a população para que o Terminal de Inspeção de Limpeza (TIL), também conhecido como “ponto de espera de esgoto”, que é instalado nas calçadas, não seja coberto ou bloqueado. Muitas vezes, esses pontos estão sendo obstruídos com materiais como concreto ou pavers, tornando-os invisíveis e de difícil acesso.

Segundo o diretor-presidente do Samae, Onésimo Sell, “esses pontos de espera de esgoto devem estar aparentes ou acessíveis, para que o Samae possa realizar as vistorias da rede coletora de esgoto sanitário e, principalmente, para conseguir desobstruir a rede, sem a necessidade de danificar a calçada”.

Caso os pontos estiverem cobertos, ou seja, não visíveis, não será possível desobstruir a rede e evitar o retorno dos dejetos para dentro da edificação. É preciso que os pontos de espera de esgoto também estejam nivelados com a calçada.

Em caso de dúvidas, ao construir ou reformar a calçada, o munícipe deve entrar em contato pelo número no 2106-9100 (fixo e WhatsApp).

*Com informações Ascom/Prefeitura de Jaraguá do Sul