Desde a época de escola, depois na faculdade também, sempre fui amarrado nas disciplinas de história e geografia. Deixei baixar um pouco a poeira e as cinzas sobre a tragédia com o Museu Nacional para escrever esta crônica de maneira com que meus sentimentos não se sobrepusessem aos fatos.

Como criança criada no interior, minha noção e referência do que era um museu e sua importância histórica restringiam-se ao museu do Seminário Sagrado Coração de Jesus em Corupá, com seus bichos empalhados, o esqueleto, armas e todo o acervo que constantemente insistia em ir visitar junto com meus pais.

Na eminência dos meus 11 anos, ou seja, em janeiro do ano de 1982, fui viajar no período de férias escolares, para conhecer São Paulo e o Rio de Janeiro. Em São Paulo, conheci o Butantã, Museu do Ipiranga e no estado do Rio, tive a oportunidade de conhecer na cidade de Petrópolis, o Museu Imperial, a Casa de Santos Dumont e na cidade do rio de Janeiro o Museu Nacional.

Lembro o quanto fiquei fascinado por aquele lugar e toda a história que envolvia a sua suntuosa construção e também do seu acervo.

O esqueleto do Museu de Corupá não era mais nada perante a Múmia de Kherima, bem como sarcófagos, e os animais empalhados vistos por aqui não se comparavam ao Maxakalisaurus topai, o primeiro dinossauro de grande porte encontrado e montado no Brasil.

Uma pena que tudo isso tenha virado cinzas pelo descaso com que a História e a cultura são tratados em nossa “República das Bananas”, ou seria República de Bananas? Tomar medidas depois do ocorrido? O que é isso? Será que tais medidas trarão de volta os diários da princesa Isabel, o mobiliário imperial, a coleção de documentos da Imperatriz Teresa Cristina?

É triste ver como nossa história é tratada. Considero essas medidas, como uma situação que frequentemente acontece como no caso, homenagear pessoas falecidas. Homenagem se faz em vida, para que o homenageado possa sentir-se valorizado por aquilo que fez!

Enquanto a história do nosso país era consumida em chamas, muitos dos responsáveis pelo estado deplorável em que se encontrava o Museu Nacional, estavam na corrida por votos. É triste, mas é verdade.

Enquanto isso, irei guardar para sempre na minha memória as imagens e a alegria que tive em um dia ter conhecido o Museu Nacional.

-

No Pirata

Neste sábado (15), da Praia do Rosa para o palco do Pirata: Nordic Souls Rock

Atenção, marujos! Final de semana bombando no Pirata, podem pegar suas boias de braço, abrir as escotilhas porque o som não para.

Só para começar o agito, nesta sexta-feira (14) quem invade o palco do Pirata é uma das mais comentadas bandas da região que é a V8 Classic Rock. A banda é formada por Rafael Sartori, Rodrigo Oliveira, Jan Valente e Juliano Santos trazem no repertório o melhor do Rockabilly, country e Rock n' Roll.

No sábado (15) é a vez da Nordic Souls Rock n' Roll, que vem diretamente da Praia do Rosa fazer o seu som. A banda traz um repertório clássico, com muito Led Zeppelin, AC/DC, Pink Floyd, Cascavelletes, Tina Turner, Janis Joplin, Kiss, Guns`n Roses e por aí vai...

Vale lembrar que a censura da casa é de 16 anos, sendo que menores de 16, devem ser acompanhados pelos pais. Obrigatória apresentação de documento com foto.

Mais informações podem ser obtidas pelo fone: 9 8407-9266.

-

Feijuca do Moa

Quando outubro chegar, anota aí, tem a Feijoada do Moa

O amigo Moa Gonçalves, leia-se Revista Nossa, a mil por hora na organização da sua já tradicional Feijoada, que atinge a maioridade em sua 18ª edição e que deverá este ano, sacudir as estruturas do Clube Atlético Baependi.

Se feijoada já é boa, imaginem em versão havaiana? Para alegrar ainda mais a festa, no palco shows com Nega Fulô, Gazu e Banda e muito pagode com o Grupo Agora Vai.

O agito todo acontece no próximo dia 20 de outubro. Para maiores informações ligue: 47 3370 2900. Para reservas de Mesas e Camarotes o fone é 9 9210-0930.

Mais detalhes em breve.

-

Rooster Empório

Sexta-feira (14) tem Cervejada do ENCOM no Rooster

O agito no “bar mais galo” da cidade programado para este final de semana vai contar na sexta-feira (14) com a presença do músico Jony Sebastian que contará com a participação especial de Fran Martini. O lance gira em torno da Cervejada do ENCOM, que é o Encontro de Comunicação.

Lembrando que a cada cerveja ECOBIER vendida a turma de Publicidade e Propaganda da Uniasselvi FAMEG arrecada R$1 para a produção do evento acadêmico ENCOM. Você bebe e colabora com a academia!

No sábado (15), rola a Festa do Neon com o DJ Will Werner.

Para quem ainda não conhece, o Rooster fica colado na cabeceira da ponte da Rede Feminina de Combate ao Câncer.

-

Arroz com Linguiça da APAE

Sábado (15) tem Arroz com Linguiça na APAE, vale colaborar

Neste sábado (15) o Moto Clube Cabeça D'Água agitando a partir das 11h30min, a 2ª edição do Arroz com Linguiça Moto APAE. O agito todo acontece na sede da entidade, situada na Rua Benildo Zamin, 560 aqui em Jaraguá.

O valor do cartão é de R$ 15 e toda arrecadação servirá para manter as atividades da instituição. No dia, as bandas Leis do Rock e Código de Bar vão animar o evento. Os cartões estão disponíveis para compra na APAE. Mais informações podem ser obtidas pelo fone: 3370 2735.

-

Exaltasamba

Sábado (15), show com Exaltasamba no Na Noite

O Para o pessoal que curte um pagode dos bons, não pode ficar de fora desse evento que deverá encher o Na Noite de alegria.

No sábado  (15) quem estará no palco da casa fazendo seu show  é a banda Exaltasamba, que já está há 30 anos de estrada e que traz consigo, muitos sucessos que fazem cantar e encantar várias gerações.

Os ingressos antecipados podem ser encontrados nos seguintes locais: Rancho Bom Supermercados, Campoearte Artigos Campeiros, no Posto MIME Matriz e Posto CIDADE Centro. Contato e mais informações pelo fone: 9 8407-9266

O Na Noite fica na Rua João Planinchek, 1371 - Nova Brasília.

-

Biquíni Cavadão

Dia 21, tem Biquíni Cavadão na city

Não é uma chamada para uma campanha da nova coleção verão da marca tal, muito menos de um comercial de cerveja. Trata-se do show que acontece no próximo sábado, dia 21, no Na Noite.

Bruno Gouveia e a trupe do Biquíni Cavadão marcam presença na casa, trazendo seus sucessos dos 33 anos de história da banda para encantar e cantar com a galera.

Os ingressos antecipados podem ser adquiridos no Pirata Rock Bar, Container Rock Wear, Ponto Certo Moda Jovem, Posto Mime Matriz, Posto Mime Reinoldo, Posto Cidade Centro e também pelo site Ingresso Nacional.

 

-

Vamos embora, porque a litorina não espera. Até semana que vem!