Duas modalidades muito em alta ultimamente, o pilates e o RPG ainda confundem muitas pessoas a respeito de suas técnicas e benefícios. A primeira ficou conhecida por incluir em sua lista de praticantes celebridades, como atrizes, cantoras e modelos. A segunda surgiu logo após e, ao que parece, possui os mesmos princípios da anterior. Mas, o que difere uma prática da outra? Descubra, a seguir.

Pilates é um método de exercícios que utilizam equipamentos específicos ou o peso do próprio corpo para sua realização. É a capacidade que o ser humano tem de se mover com conhecimento e domínio do próprio físico, reeducando os movimentos e apresentando uma completa coordenação do corpo e mente, promovendo uma conexão entre eles. Composto por exercícios embasados na anatomia humana, capazes de restabelecer e aumentar consideravelmente a mobilidade, a flexibilidade, a força muscular, melhorar a respiração, corrigir a postura e prevenir lesões.

Um dos maiores benefícios do pilates é proporcionar o trabalho de diversos grupos musculares em um único movimento. Onde, em um determinado exercício, o aluno alonga certos grupos musculares, ao mesmo tempo em que fortalece outros, sempre com muita segurança garantidas pelas instruções do profissional. As aulas são dinâmicas, com uma variedade incrível de movimentos e exercícios, proporcionando muito prazer na realização dos mesmos, e se adaptando a cada pessoa dependendo de suas dificuldades e necessidades.

Quanto ao RPG (Reeducação Postural Global), ela consiste numa técnica fisioterapêutica desenvolvida na França, e têm como principal função o ajustamento postural para reorganização dos movimentos do corpo humano, através de uma série de posicionamentos realizados com a finalidade de permitir a reorganização e reequilíbrio dos músculos que mantêm a postura. Diferente do pilates que além de ser utilizado como reabilitação e realinhamento corporal, também pode ser usado como método estético e atividade física, o RPG é recomendado às pessoas que apresentam assimetrias posturais consideráveis e consequentemente dores decorrentes da má postura.

O trabalho de RPG é realizado através de posturas mantidas, sendo indicado como terapia preventiva ou de reabilitação para problemas que requerem fisioterapia, tais como problemas articulares, traumáticos, esportivos, tendinites, contraturas musculares e desvios posturais. Pode ser realizada com pessoas de todas as idades, crianças, adolescentes e adultos, contanto que seja feita uma avaliação postural antes.

Na Clínica Ser você encontrará fisioterapeutas especializados nas duas técnicas, com muita experiência, e após a avaliação saberá o melhor método pra você.