O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Jaraguá do Sul (Sinsep) protocolou ontem na Prefeitura a pauta de reivindicações da campanha salarial de 2019.

Os servidores pedem o reajuste integral da inflação (INPC) dos doze meses anteriores à data-base da categoria – 1º de abril – estimada em 4%, e a reposição das perdas salariais, acumuladas desde 2016, de 8,96%.

Na avaliação do sindicato, o governo municipal teria condições de conceder um reajuste de até 7,83% considerando os limites de comprometimento da folha de pagamento, definidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

O índice da folha atualmente estaria em 47,57%, aponta o presidente do sindicato, Luiz Cezar Schorner, o que permitiria o reajuste para até 51,30% de comprometimento da folha, atingindo o limite prudencial defi nido por lei.

Também está na pauta de reivindicação a retomada de direitos cortados depois da aprovação de projetos do pacote de reajuste fiscal do governo, em 2017.

Entre eles, o FGTS e o adicional por pós-graduação aos servidores temporários (ACTs), o vale-refeição – que passou a ser concedido em proporção a horas de trabalho e remuneração -, e o adicional por aperfeiçoamento, Adapat, que embora tenha permanecido, o governo não estaria fazendo o pagamento, segundo o sindicato.

Com a entrega da pauta ao governo nesta quinta, o presidente explica que agora cabe ao Executivo marcar a data da reunião de negociação.

O sindicato argumenta que a arrecadação municipal positiva com Fundo de Participação dos Municípios, ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) – registrando desempenho positivo no começo deste ano em comparação com os primeiros meses do ano passado -, e a expectativa de arrecadação com o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) permitiriam um reajuste maior à categoria.

Sobre a possibilidade de atender às reivindicações, o secretário de Administração, Argos Burgardt, informou que até a tarde de ontem ainda não havia recebido a pauta, que será avaliada juntamente com o prefeito Antídio Lunelli (MDB).

Mas as contas do governo não indicam margem para concessão de um aumento muito maior do que a inflação do período.

Voluntários

O deputado estadual Vicente Caropreso (PSDB) participou de um evento com o governador Carlos Moisés (PSL) na Abvesc (Associação dos Bombeiros Voluntários de Santa Catarina), ontem.

O jaraguaense recebeu a informação de que emenda de sua autoria destinando R$ 850 mil para entidade será liberada. Parcela do recurso será enviada para as corporações da região.

Espaço para vans

O presidente da Câmara, Marcelindo Gruner (PTB), pede à Diretoria de Trânsito de Jaraguá do Sul uma solução para a parada das vans em frente às escolas e creches, para embarque dos alunos.

Gruner aponta que os motoristas estão pedindo um espaço destinado às paradas, para evitar problemas com o estacionamento pago. “Não precisa estacionar, é só parar e pegar o aluno e poder sair”, relata o vereador.

Homenagem

Os vereadores de Guaramirim apresentaram requerimento para homenagear a moradora do bairro Vila Freitas, Jaqueline Vavassori, no dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, pelo “ato de bravura” e solidariedade durante o deslizamento de terra na localidade, no último dia 18.

Jaqueline ajudou a avisar os vizinhos sobre o deslizamento, salvando vidas.

Reforço na SC-108

O prefeito de Guaramirim, Luís Chiodini (PP), se reuniu ontem com assessores do deputado federal Fabio Schiochet (PSL). Chiodini reforçou o pedido de atenção à situação da SC-108, interditada após deslizamento.

O prefeito se disse feliz pelo comprometimento não apenas de Schiochet, mas também do deputado federal Carlos Chiodini (MDB), que em Brasília irá intermediar o processo de liberação do FGTS para os atingidos.

Frete

Pela terceira vez, o projeto de lei que que regulamenta o serviço de frete em Jaraguá do Sul recebe pedido de vistas e é retirado da pauta de votação.

Na tribuna na sessão desta quinta-feira, Arlindo Rincos (PSD) defendeu o pedido dizendo que quer conversar com as entidades que representam o setor de transportes.

Segundo o vereador, elas não teriam participado de reunião feita para discutir o projeto. A proposta, de autoria do governo, passará a cobrar a regularização dos prestadores do serviço.

Representação

A Prefeitura de Jaraguá do Sul divulgou as primeiras imagens das alunas do 8º ano da Escola Luiz Gonzaga Ayroso, Leticia Luisa Braun e Scheila Aparecida Straub de Souza, e o professor orientador do projeto “Bala antitabagismo”, Jean Mary Facchini, que estão representando o município na Espanha. A viagem aconteceu na terça-feira (26) para a Feira Científi ca Exporecerca Jovem.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?