A história nos confere que a cerveja é uma bebida milenar. Há registros de que o início de sua fabricação remonta a 3400 a.C. Se hoje, dada a sua importância e nível de consumo, ela é considerada nosso “pão líquido”, lá nos primórdios, ela já foi meio de pagamento. Não é preciso mais do que um simples gole dela para nos darmos conta da invenção mais feliz do mundo. O próprio Platão teria afirmado que “era um homem sábio aquele que inventou a cerveja”.

Como podemos ver, há muita história em torno da cerveja. Graças à estreita relação com esta bebida, Jaraguá do Sul, é uma sociedade que, felizmente, ajuda a mantém viva essa milenar história. Se já temos consolidada nossa tradicional Schützenfest, agora soma-se a ela, mais um importante evento. Em plena harmonia com o clima de Carnaval, iniciou-se ontem, até amanhã, no Parque Municipal de Eventos, o 1º Festival de Cerveja de Jaraguá do Sul, com muitas opções de cervejas artesanais, gastronomia e espaço para as crianças.

A onda de crescente interesse do brasileiro por cervejas artesanais, tem impulsionado festivais multiplicadores de rótulos, marcas e derivados, para um público consumidor cada vez mais sedento e exigente. O presente evento é prova de que Jaraguá do Sul surfará essa onda, equilibrando-se em seu DNA empreendedor e colaborativo.

A viabilidade do evento se sustenta, justamente, no senso de colaboração, pois trata-se de uma iniciativa da Associação Empresarial de Jaraguá do Sul (Acijs) e do Núcleo das Cervejarias, contando com apoio da Prefeitura de Jaraguá do Sul, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Inovação (Sedein).

O privilégio de apreciar a cerveja artesanal em sua diversidade e qualidade certificada, já é uma realidade e mais um diferencial de nossa cidade. Que o público corresponda participando e apreciando com moderação.

Vá de Uber. Ein Prosit!