Políticas que promovem o turismo e a cultura, sempre contribuirão para a economia, bem como, para a preservação da história, dos valores e dos costumes locais. A região do Vale do Itapocu reúne grande potencial turístico cultural ainda a ser explorado com investimentos. A bucólica localidade do Rio da Luz é um dos exemplos.

Viabilizar, na região, um destino turístico sustentável, com diversidade de rotas, possibilitando, inclusive, que as pequenas empresas da região possam se valer dessa estratégia para divulgarem seus negócios, é um propósito que começa se tornar realidade.

As potencialidades naturais, geográficas e culturais da região, são os temperos poderosos para essa estratégica receita turística. Vale salientar que, desde de 2007, o Rio da Luz é considerado patrimônio histórico, preservando suas características da colonização germânica.

E a gastronomia é uma dessas características. Por isso, entre os dias 22 e 24 de julho, acontecerá a 1ª edição do Circuito Gastronômico do Rio da Luz, promovido pela Associação Turística Rio da Luz, contando com o apoio da Diretoria de Turismo, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação de Jaraguá do Sul.

Importante considerar, ademais, que a gastronomia é um meio de se conhecer a identidade de um povo ou comunidade, sua a história, hábitos e costumes.

Espera-se, então, que o evento possa alcançar o merecido sucesso, e que o pacto entre as esferas públicas e privadas possa garantir o desenvolvimento do bairro, com preservação cultural e sustentabilidade.