É comum as pessoas se queixarem de que, mesmo seguindo uma alimentação adequada e praticar exercícios físicos constantemente, não veem resultados na balança. Esses números de fato são os mais relevantes? Não ter mudado os números na balança, não significa que não tenha emagrecido. Primeiro, é necessário entender que o peso do corpo corresponde à massa de diferentes tecidos: gordura, ossos, músculos, água etc., portanto, quando falamos em perder peso, nos referimos à diminuição de qualquer um desses componentes.

Já emagrecer diz respeito à perda de gordura corporal, que é o desejado, já que ela está associada a diversos malefícios para a saúde. Quando aliamos a prática de exercício físico com uma reeducação alimentar, ingerimos menos e gastamos mais calorias, reduzindo a gordura corporal que é a energia armazenada. No entanto, pela prática de exercícios há um aumento na massa muscular, pois os músculos estão se desenvolvendo. E quando você sobe na balança, muitas vezes os números não mudam, não perdeu peso, mas emagreceu, perdeu gordura e ganhou massa magra, mudando sua composição corporal.

Vale destacar que o tecido muscular é mais denso e compacto do que a gordura, sendo assim, um quilo de gordura ocupa mais espaço no corpo do que a mesma quantidade de músculo. Mesmo mantendo o peso, o formato do corpo se modifica e, consequentemente, as medidas corporais diminuem. Os músculos são tecidos metabolicamente ativos, ou seja, eles demandam energia a todo o momento, até mesmo quando estamos dormindo. São eles que mais gastam calorias no nosso corpo, afinal não é à toa que são considerados nossos “queimadores de gordura”. Sendo assim, não queremos perder massa muscular, mas manter ou ganhar. Pois quanto mais músculos, maior a facilidade de perder gordura e manter o corpo harmônico, bonito e saudável.

Quando o corpo perde peso, é possível ver diferenças grandes logo nos primeiros dias, estagnando ou aumentando depois. Já no emagrecimento, a diminuição na balança ocorre gradualmente, não sendo de forma tão rápida quanto na perda de peso, porém, muito mais eficaz, já que faz com que o corpo tenha redução de tecido adiposo e aumento de massa magra. Não coloque suas expectativas somente na balança, coloque-as na prática bem realizada de exercícios, como exemplo, o Pilates, a musculação, o For Wheight Loss. O foco do sucesso não deve somente estar baseado nos números da balança, e sim na sua composição corporal.