Vivemos um momento onde temos que conciliar as tarefas cotidianas de cunho profissional, pessoal e familiar. Neste contexto, deparamo-nos com uma realidade bastante delicada e que não pode ser ignorada: o cuidado dos idosos, sejam eles nossos pais ou familiares que passam a não possuir mais habilidades intelectuais e físicas para residirem sozinhos.

Diante da relutância que alguns apresentam em alterar suas rotinas, mudando de endereço para residir com os filhos ou outro familiar que passará a ser responsável em prover seus cuidados, surge o cuidador de idosos, profissional que cumpre estes requisitos com propriedade.

No entanto, é importante salientar que o cuidador de idosos não é um enfermeiro(a), exceto se sua formação comprovar isto. O mercado de profissionais em sua grande maioria é formado por pessoas que se aventuram como autônomos e geralmente não possuem qualquer qualificação profissional. Seus conhecimentos são baseados em experiências anteriores e são empíricos.

A família, no afã de resolver a questão com a maior brevidade possível e poder retomar sua rotina com tranquilidade, geralmente não sabe que deve tomar algumas precauções em relação à contratação deste profissional. Mas, afinal, quais os cuidados necessários?

1 – Solicitar referências de vínculos anteriores, sempre que possível.

2 – Se contratar uma empresa, verifique se a mesma tem registro. Se a empresa for Prestadora de Cuidados de Enfermagem, solicite o Registro de Empresa no Coren-SC (Conselho Regional de Enfermagem de Santa Catarina), cuja subseção mais próxima fica em Joinville. Também nestes casos, deverá haver um enfermeiro responsável técnico devidamente registrado neste conselho.

3 – Confirme a escolaridade informada pelo cuidador, solicitando seus certificados ou diplomas.

4 – Ao registrar em carteira de trabalho, utilize o CBO correto: cuidador de idosos. Todo cuidado é pouco na hora de contratar estes serviços, pois muitos candidatos não possuem qualquer conhecimento, adentram nos lares, passam a conviver com o idoso e sua família, muitas vezes realizando procedimentos que não são habilitados legalmente e colocando em risco a saúde e a integridade do acompanhado.

Pensando neste mercado, a Escola Técnica de Enfermagem Jaraguá, periodicamente, abre o Curso de Cuidadores de Idosos. A capacitação visa a formação de profissionais aptos, éticos e devidamente esclarecidos sobre as funções que estão sob sua responsabilidade. Um excelente curso, que prepara o candidato de forma que compreenda até onde vai o seu limite de atuação, evitando que se aventure na realização de procedimentos que são privativos da enfermagem e até mesmo da medicina.

  • CURSO: CUIDADORES DE IDOSOS
  • Carga horária: 96 horas
  • Aulas nas quintas e sextas-feiras, das 19h às 22h
  • Duração: 4 meses
  • Pré-requisitos: ensino fundamental ou médio
  • Idade superior a 16 anos.

A importância da atualização dos técnicos em enfermagem 

A formação de um técnico de enfermagem se dá após 1.800 horas de capacitação, onde são realizadas aulas teóricas, práticas e estágios curriculares, de acordo com a legislação vigente que trata dos cursos técnicos profissionalizantes. São, em média, dois anos de estudos, com aulas de segundas às sextas-feiras.

Entre provas, trabalhos, apresentações, seminários, resenhas, resumos e outras atividades educativas, delineiase gradativamente o futuro profissional. Os estágios curriculares obrigatórios que correspondem a 1/3 da carga horária total do curso, ou seja, 600 horas, colocam o estudante frente à assistência, onde ele precisará associar os conhecimentos teóricos adquiridos em sala de aula com a prática do atendimento aos clientes/pacientes. No processo educativo, identifica-se o quão grande é o desenvolvimento dos alunos em todos os aspectos: social, crítico, postura, compreensão, linguagem científica entre outros.

Certamente, cada aluno que inicia sua jornada nos conhecimentos científicos da enfermagem se torna uma nova pessoa, mais ética, mais responsável com a sua saúde e com a dos demais, sempre visando o bem da coletividade. Este é o motivo que move a Escola Técnica de Enfermagem Jaraguá para a formação de novos profissionais de saúde todos os anos. A cada semestre, são lançados ao mercado uma turma formada de técnicos em enfermagem que irão atuar nos hospitais, clínicas especializadas, Samu, bombeiros, ambulatórios de escolas e creches, ambulatórios de empresas, entre outros.

Em 2018, após 15 de formação de técnicos em enfermagem, a Escola Técnica de Enfermagem Jaraguá está lançando os cursos de atualização para os profissionais já formados ou estudantes do curso técnico em enfermagem. A atualização que está sendo realizada neste momento é a de curativos especiais, onde são apresentadas uma série de novos tipos de coberturas utilizadas para o tratamento de feridas. A receptividade dos profissionais nos cursos de outubro e novembro foram excelentes. No mês de dezembro, será realizada a terceira turma desta atualização.

  • CURSO: TÉCNICO EM ENFERMAGEM
  • Carga horária: 1.800 horas
  • Aulas de segundas às sextas-feiras
  • Duração: 25 meses
  • Pré-requisitos: ensino médio completo ou estar cursando

  1. Amazonas, 435 - Centro, Jaraguá do Sul Idade superior a 17 anos.