O já normalmente complicado trânsito da região da Grande Florianópolis ficou ainda mais truncado na manhã desta quarta-feira (23) por conta da manifestação de um grupo de motoboys, que chegou a trancar o trânsito na BR-101 e por pouco não fechou o acesso à Ilha de Santa Catarina.

Os manifestantes reclamam do “excesso” de fiscalização por parte das forças de segurança e da “festa da blitz” na região. Para eles, a Polícia Rodoviária Federal, a Polícia Militar e as guardas municipais deveria “aliviar” e “não multar” ninguém por conta da pandemia.

De acordo com o Inspetor Luiz Graziano, da PRF, essas reinvindicações são impossíveis de serem atendidas. “A lei é para todos. A gente vê moto sem licenciamento, piloto sem habilitação, etc. Não podemos permitir essa irregularidade”.

A manifestação não chegou a bloquear a Ponte Pedro Ivo, que dá acesso à região central de Florianópolis, mas provocou filas por toda a entrada da Capital, além da BR-101.

Confira as imagens

 

Outras imagens

 

Mais vídeo

 

Ação policial impediu fechamento da ponte

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança