Atualizada

Ao menos 30 criminosos, fortemente armados e encapuzados, invadiram Criciúma, por volta de 23h50min desta segunda-feira e sitiaram a cidade. O objetivo: roubar o cofre da tesouraria regional da agência do Banco do Brasil, que fica na Avenida Getúlio Vargas, esquina com a Rua Hercílio Luz, na área central da cidade.

Os barulhos de tiros foram ouvidos em diversos bairros da cidade. O grupo começou o ataque cercando o batalhão da Polícia Militar, no bairro Próspera, e efetuando centenas de disparos. Ainda incendiaram um caminhão no acesso ao portão principal. Simultaneamente, também incendiaram um caminhão na cidade vizinha de Tubarão, no acesso ao túnel do Morro do Formigão, para impossibilitar a chegada de reforço policial, especificamente das unidades especializadas de Florianópolis.

Uma guarnição do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT) trocou tiros com os bandidos nas proximidades do Criciúma Shopping (somente referência). Um policial ficou ferido.

Em seguida, o grupo sitiou as adjacências do banco, efetuando disparos a esmo, fizeram reféns (quatro funcionários da Diretoria de Trânsito e Transportes, que pintavam a via, e dois motociclistas) e tentaram, a tiros, interceptar veículos que passavam pelo local. Colocaram explosivos em pontos estratégicos e exibiam, nas câmeras monitoradas pela PM, o potente armamento.

A ação durou cerca de duas horas.

Diversos vídeos já circulam nas redes sociais.

Mais informações a seguir.

Assista aos vídeos

 

 


Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp