Um grupo de quatro trabalhadores rurais ficou ilhado por mais de 12 horas em uma propriedade rural de Santo Amaro da Imperatriz e teve que ser resgatado nesta terça-feira (3) na Grande Florianópolis. As informações são do Portal G1.

Segundo os bombeiros, a situação ocorreu por causa das fortes chuvas que atingem o estado desde o início da semana. O resgate foi registrado em vídeo.

A equipe de resgate informou que as vítimas, três homens e uma mulher, estavam trabalhando na lavoura e não conseguiram retornar quando escureceu - o nível do rio que corta a propriedade estava acima do normal, cobrindo a única ponte de acesso.

O resgate começou na manhã desta terça-feira, quando familiares acionaram os bombeiros, e terminou por volta das 16h.

Os trabalhadores estavam hidratados, sem sinais de hipotermia e alimentados, já que levaram comida para a propriedade, que fica na localidade de Vargem do Braço.

A formação de um ciclone extratropical no oceano, a passagem de uma frente fria e sistemas de baixa pressão devem provocar chuva volumosa em Santa Catarina até quinta-feira (5), alertou a Defesa Civil.

Durante o período, pode chover mais do que o equivalente a todo o esperado para o mês de maio em quatro dias. Há risco de alagamentos, enxurradas, deslizamentos e inundações, principalmente nas regiões Sul e Grande Florianópolis.,