Até o momento já são duas mortes registradas em decorrência de uma batida frontal entre dois carros na BR-470 no município de Gaspar, no Vale do Itajaí, por volta das 6h05 deste sábado (23). As vítimas, todas mulheres, têm entre 19 e 23 anos.

O empresário guaramirense Evanio Wylyan Prestini, de 31 anos, segundo a PRF, foi o causador do acidente. Ele dirigia claramente embriagado, situação comprovada pelo teste do bafômetro e por um vídeo gravado por um motorista que seguia na mesma rodovia e que chegou a acionar a PRF para informar a situação de risco.

O Instituto Médico Legal (IML) de Blumenau confirmou a identidade das jovem que faleceram até o momento em decorrência do acidente, são elas: Suelen Hedler da Silveira de 21 anos que trabalhava em um cartório no centro de Blumenau desde 2016. Ela estava no banco de carona e ficou presa às ferragens, e na sequência Amanda Grabner, de 18 anos, que era uma das passageiras que estava no banco de trás do carro. As demais ocupantes do veículo estavam em estado grave. Elas foram atendidas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levadas para atendimento médico em Blumenau.

Até a edição dessa matéria, a informação que se tinha era de que o motorista permanecia preso em Blumenau aguardando a audiência de custódia, e que já estaria na presença de familiares e de um advogado.

Quer receber as notícias no WhatsApp?