Um vereador de Serranópolis de Minas, no Norte de Minas Gerais, foi preso na última terça-feira (28) acusado de amarrar a esposa em um tronco de árvore e arrastá-la pelo terreno.

De acordo com a Polícia Civil, o crime foi motivado por ciúmes. O suspeito, de 44 anos, teria "proibido" a companheira de acessar o Facebook, mas ela não acatou a "ordem".

 

 

Por essa razão, o homem a amarrou em um tronco e começou a arrastá-la por uma área de terra. Ele também quebrou o celular da vítima.

No entanto, a mulher conseguiu se soltar e correu para conseguir ajuda. Devido às agressões, ela sofreu lesões no pescoço e nas costas.

Com informações do G1