As 49 unidades de saúde de Florianópolis estarão abertas das 8h às 17h para consultas médicas, vacinação e entrega de medicamentos.  A abertura das unidades é uma das medidas adotadas pela Secretaria Municipal de Saúde como forma de compensar os dias parados por conta da greve no serviço público.

Neste dia, as pessoas do grupo-alvo da campanha da vacinação contra a gripe que ainda não receberam a dose, terão mais uma oportunidade de ficar em dia com a vacina. O Ministério da Saúde prorrogou a campanha de vacinação até o dia 15 de junho, sendo que a meta de Florianópolis é vacinar 133 mil pessoas. Até o final da manhã desta sexta-feira (01), 61,31%, ou seja, 78.961 pessoas do público-alvo foram imunizadas.

Os grupos prioritários são crianças entre 6 meses e 5 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, povos indígenas, professores do ensino infantil, fundamental e médio e de universidades públicas e privadas, indivíduos com 60 anos ou mais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional. Para receber a dose, todos os indivíduos do grupo de risco devem apresentar o documento pessoal de identificação e a caderneta de vacinação.